Carregando...

Em Rio Branco, menino de 6 anos que caiu dentro de tacho de leite fervendo é internado na UTI no Hospital da Criança

Heliab Barroso foi transferido para o Hospital da Criança e levado para a UTI da unidade — Foto: Arquivo pessoal

Heliab Barroso foi transferido para o Hospital da Criança e levado para a UTI da unidade — Foto: Arquivo pessoal

O pequeno Heliab Barroso Gomes, de 6 anos, que ficou com queimaduras graves ao cair dentro de um tacho de leite fervendo no interior de Capixaba, interior do Acre, está internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital da Criança, em Rio Branco.

O menino foi transferido do pronto-socorro para o hospital na noite de domingo (29). Segundo a mãe do garoto, Gersilene Barroso dos Santos, a equipe médica da unidade decidiu que Heliab precisa ficar na UTI para se recuperar dos ferimentos. Mas, segundo a mãe, a criança não teve piora no quadro médico.

O G1 tentou contato com a direção do Hospital da Criança, mas não obteve retorno até a última atualização dessa matéria.

"Ele foi para a enfermaria do Hospital da Criança, mas na segunda [30] conseguiram uma vaga na UTI, colocaram a sonda, fizeram o curativo e foi para lá. Só foi porque a médica falou que era necessário. No pronto-socorro falaram que as queimaduras dele eram de 2º, mas a médica falou que a maioria é de 3º e o melhor lugar seria na UTI", confirmou.

Ainda segundo Gersilene, Heliab não está sedado na UTI e os médicos falaram que não vão mantê-lo sob forte medicação. Ainda de acordo com a mãe, as queimaduras do filho foram graves. "Ele está bem, pode ficar com acompanhante. Até estranharia se acordasse e não tivesse ninguém lá", concluiu.

Heliab caiu dentro do tacho de leite na quinta (26) no Ramal Zaquel Machado, zona rural de Capixaba, após se desequilibrar. O leite era preparado na lenha para fazer iogurte natural, de onde a família tira parte do sustento. Ele mora em um barraco improvisado montado na parte de trás de uma igreja.

A casa onde ele morava era muito velha e não oferecia segurança e a família deixou o lugar após ter a energia elétrica cortada.

Após a divulgação da situação da família, pessoas de diversas partes do estado começaram a ajudar com doações de dinheiro, sacolões e outros tipos de assistência. Um primo do marido de Gersilene ofereceu a casa para a família se mudar para Rio Branco enquanto Heliab estiver internado.

Reveja os telejornais do Acre

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*