Carregando...

Mulher que fez sexo com idoso que morreu após o ato em Igaci, AL, depõe à polícia e é liberada

Mulher que estava com idoso que morreu após relação sexual prestou depoimento à Polícia Civil e foi liberada — Foto: Divulgação/PC

Mulher que estava com idoso que morreu após relação sexual prestou depoimento à Polícia Civil e foi liberada — Foto: Divulgação/PC

A Polícia Civil abriu inquérito para investigar as causas da morte de um idoso de 66 anos após relação sexual com uma mulher de 31 anos na cidade de Igaci, Agreste de Alagoas, na segunda-feira (18). Ela prestou depoimento na condição de testemunha e foi liberada.

Os nomes dos envolvidos não foram divulgados. A mulher disse aos policiais que foi contratada pelo homem para ter relações sexuais embaixo de uma árvore e viu quando ele tomou um comprido azul. Logo após o ato, o idoso passou mal e morreu antes mesmo de receber socorro médico.

Não há confirmação sobre o comprimido ingerido pelo idoso, mas a polícia suspeita que era Viagra, medicamento usado por homens, muitas vezes sem prescrição médica, para tratar disfunção erétil.

Leia também:

  • Quatro coisas que você deve saber sobre o Viagra
  • Forças Armadas aprovam compra de 35 mil unidades de Viagra para tratamento de hipertensão arterial pulmonar

Agentes da Polícia Científica foram acionados e realizaram a perícia no local. O corpo da vítima foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML).

A polícia aguarda o laudo com a causa da morte do idoso, que deve ser concluído ainda nesta terça, segundo o IML.

Entretanto, se o médico legista avaliar que há necessidade de solicitar exames complementares, eles serão solicitados sem fixação de prazo para conclusão.

Assista aos vídeos mais recentes do g1 AL

200 vídeos

Veja mais notícias da região no g1 AL


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*