Carregando...

Investigado é preso ao ser flagrado com imagens pornográficas de crianças em celular, no Amapá

'Salus': PF prende homem de 23 anos acusado de armazenar e produzir pornografia infantil

'Salus': PF prende homem de 23 anos acusado de armazenar e produzir pornografia infantil

Um homem de 23 anos, investigado por crimes relacionados a pornografia infantil na internet e alvo de mandado de busca e apreensão, foi preso em flagrante nesta quinta-feira (14) pela Polícia Federal (PF) no Amapá. Os agentes encontraram conteúdo pornográfico infantil no celular dele.

A detenção ocorreu durante a operação "Salus", em Vitória do Jari, a 213 quilômetros de Macapá, no Sul do estado.

Conforme a PF, organizações internacionais repassaram ao órgão que um morador do município teria armazenado mais de 740 imagens que mostram a exploração sexual infantil. Há indícios, inclusive colhidos na ação desta quinta-feira, de que ele também teria produzido alguns dos conteúdos criminosos.

Operação 'Salus' prende homem flagrado com imagens pornográficas de crianças em celular, em Vitória do Jari — Foto: PF/Divulgação

Operação 'Salus' prende homem flagrado com imagens pornográficas de crianças em celular, em Vitória do Jari — Foto: PF/Divulgação

Ao cumprir mandado de busca e apreensão contra o homem, os policiais encontraram mais imagens de pornografia infantil no celular dele. Além do aparelho, foi apreendido um lençol.

"Os policiais apreenderam ainda um lençol que supostamente aparece em parte das imagens pornográficas, o que sugere fortes indícios que houve também a produção de material pelo investigado", esclareceu a PF.

Após ser preso, o investigado foi conduzido à Delegacia de Polícia de Vitória do Jari. A Polícia Civil colaborou com a operação desta quinta-feira.

'Lar Seguro'

Operação Lar Seguro prendeu em julho um bombeiro militar gravado em vídeo estuprando uma criança — Foto: PF/Divulgação

Operação Lar Seguro prendeu em julho um bombeiro militar gravado em vídeo estuprando uma criança — Foto: PF/Divulgação

Em julho, outra operação da PF buscou combater a prática de pornografia infantil e também de estupro no Amapá. Um bombeiro militar de 42 anos foi preso preventivamente.

Ele foi acusado de armazenar e produzir conteúdo pornográfico de menores de idade e também por estupro de uma criança. Uma perícia feita pela polícia identificou que é ele quem aparece em um vídeo abusando sexualmente da vítima.

A ex-mulher dele tinha medida protetiva e desde junho o bombeiro não podia se aproximar da casa onde morava.

O militar ainda foi autuado em flagrante porque guardava no celular 340 arquivos de conteúdo pornográfico envolvendo crianças e adolescentes.

Veja o plantão de últimas notícias do G1 Amapá

ASSISTA abaixo o que foi destaque no AP:

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*