Carregando...

Moradores de Salvador falam sobre investimento na produção de produtos juninos: 'Estamos expandindo'

Baianos faturam renda extra com produção e vendas de produtos juninos neste ano

Baianos faturam renda extra com produção e vendas de produtos juninos neste ano

Moradores de Salvador estão investindo na produção e vendas de produtos juninos neste ano. Mesmo com o cancelamento do São João pelo segundo ano consecutivo, os empreendedores contam que as buscas pelos produtos juninos estão aumentando e gerando renda extra.

  • Veja página especial do São João 2021 na Bahia
  • G1 lista serviços que oferecem comidas típicas do São João com entrega delivery em Salvador

"Nós já superamos as vendas do ano passado e estamos expandindo para outras cidades do interior, como Irará, Ipirá, Conceição da Feira. E também região metropolitana, Lauro de Freitas e Camaçari", conta Laís Barbosa, que é publicitária e produz licor cremoso.

Laís mora em Periperi, subúrbio de Salvador e pela região também tem feito sucesso. Vizinhos já compraram o licor e aprovou o produto feito pela publicitária.

"Já recebi alguns feedbacks de alguns colegas que experimentaram, que não são do subúrbio. Eu como filho do subúrbio, resolvi vim aqui experimentar", conta o auxiliar administrativo Valdemir Santos.

O analista jurídico Valdilson Santos destacou a importância de fortalecer os pequenos negócios, ainda mais sendo de uma vizinha.

"Estamos vindo pela primeira vez para comprar, experimentar e poder expandir o Licor da Lai para todos os amigos que conhecemos", ressalta.

Bolos

Ao contrário de Laís, a confeiteira Selma Barbosa não investiu em licores. Porém, outra maravilha da culinária junina faz parte do trabalho dela: bolos.

Além da fabricação de bolos, Selma ainda proporciona cursos para preparação desses bolos, voltados para a comunidade e aberto ao público.

"Fazemos bolos de coco, de aipim, tapioca, carimã. Além de pamonha e outras guloseimas típicas do período junino", ressaltou.

O consultor financeiro Francisco Pinto reforça o recado de como empreender.

"Não se esqueça de que é importante você ter um diferencial. De alguma maneira você tem que inovar. Muita gente vai estar pensando a mesma coisa que você e vai estar oferecendo. O seu diferencial é que vai fazer com que o seu cliente dê preferência para você", detalha.

Veja mais notícias do estado no G1 Bahia.

Assista aos vídeos do G1 e TV Bahia 💻

19 vídeos

Ouça o podcast 'Eu te explico' 🎙


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*