Carregando...

Corpo de servidora pública achada morta em Itabela tinha marcas de estrangulamento e agressões, diz polícia

A vítima foi identificada como Aureny Ferreira da Silva, tinha 46 anos e foi candidata a vereadora pelo município.— Foto: Reprodução/TV Santa Cruz

A vítima foi identificada como Aureny Ferreira da Silva, tinha 46 anos e foi candidata a vereadora pelo município. — Foto: Reprodução/TV Santa Cruz

O corpo da servidora pública Aureny Ferreira da Silva, de 46 anos, apresentava marcas de estrangulamento e agressões, de acordo com informações divulgadas pela Polícia Civil. Ela foi encontrada morta na manhã de segunda-feira (30), dentro do bar em que era proprietária na cidade de Itabela, sul da Bahia.

  • Podcast 'Eu te Explico': Os 15 anos da Lei Maria da Penha e panorama da violência contra a mulher na Bahia
  • 'Estava todo sujo de sangue e aparentemente foi lavado', diz delegada após perícia em carro de suspeito de matar mulher na BA

O estabelecimento fica nos fundos da casa onde ela morava e o celular dela não foi encontrado no imóvel.

Além disso, a polícia informou que companheiro da vítima fugiu do local. Entretanto, não há detalhes se ele é suspeito de cometer o crime. O homem, que não teve a identidade revelada, ainda não foi localizado.

O caso é investigado pela Delegacia Territorial de Itabela. Ainda não há detalhes sobre autoria e motivação do crime.

Caso chocou moradores

A morte de Aureny chocou os moradores do município, pois ela era muito conhecida na região. A mulher já se candidatou a vereadora em Itabela e trabalhava no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do município. Ela era proprietária de um bar, que fica nos fundos da casa onde vivia.

Colegas de trabalho estranharam a falta dela, porque a funcionária não tinha costume de faltar ao serviço, e resolveram ir até a residência em busca de notícias.

Vizinhos disseram que não tinham visto Aureny recentemente e então, um grupo arrombou a porta do imóvel, e encontraram ela morta, nos fundos do estabelecimento.

Por meio de uma rede social, a prefeitura de Itabela lamentou a morte da servidora.

A prefeitura de Itabela lamentou a morte de Aureny Ferreira da Silva, que tinha 46 anos — Foto: Reprodução/Prefeitura de Itabela

A prefeitura de Itabela lamentou a morte de Aureny Ferreira da Silva, que tinha 46 anos — Foto: Reprodução/Prefeitura de Itabela

Veja mais notícias do estado no G1 Bahia.

Assista aos vídeos do G1 Bahia e TV Bahia

57 vídeos

Ouça o podcast do G1 Bahia


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Últimas notícias








Calendar