Carregando...

Mais de 50 pessoas envolvidas na briga de torcidas organizadas do Bahia e Vitória são detidas pela polícia em Salvador

Torcedores são detidos pela polícia após briga em Salvador

Torcedores são detidos pela polícia após briga em Salvador

Um grupo de 53 pessoas envolvidas na briga de torcidas do Bahia e do Vitória foram levadas para a Central de Flagrantes, em Salvador. A confusão aconteceu na tarde deste domingo (4), no bairro de São Caetano, e deixou ao menos três feridos.

  • Compartilhe no WhatsApp
  • Compartilhe no Telegram

Segundo a Polícia Civil, os feridos foram socorridos para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde estão internados. Não há informações sobre o estado de saúde deles.

Em vídeos nas redes sociais, os grupos narram que tratou-se de uma briga entre torcidas organizadas. Nas imagens é possível ver muitos homens com camisetas e materiais da Torcida Uniformizada os Imbatíveis (TUI), do Vitória.

Ainda nos vídeos, um deles ameaça agredir os rivais e exibe um soqueira inglesa – um tipo de arma branca feita de metal, que encaixa nos dedos para potencializar os ferimentos durante o soco. Em outra gravação, um carro em alta velocidade avança na direção do grupo. [Veja no vídeo abaixo]

Briga entre torcedores de Vitória e Bahia deixa feridos em Salvador

Briga entre torcedores de Vitória e Bahia deixa feridos em Salvador

Posicionamento do Bahia

Bahia divulgou posicionamento nas redes sociais — Foto: Redes sociais

Bahia divulgou posicionamento nas redes sociais — Foto: Redes sociais

O Esporte Clube Bahia divulgou uma nota de repúdio nas redes sociais após os vídeos da confusão viralizarem na internet. Na nota, o episódio de vandalismo contra o ônibus do clube é citado. O caso, que aconteceu em fevereiro deste ano, deixou dois jogadores feridos.

"Mais de seis meses depois, ninguém foi responsabilizado pelo atentado ao nosso ônibus, em fevereiro, para citar apenas um exemplo de um caso absolutamente extremo. O recado que passa é: tudo pode; tá tudo liberado", escreveram.

O Bahia ainda cobrou providências das autoridades públicos e prestou solidariedade às famílias das vítimas.

diretoria do Esporte Clube Bahia vem a público repudiar mais um lamentável ato d violência ligada ao futebol e demonstrar apoio e solidariedade às vítimas deste novo episódio", escreveram.

Veja mais notícias do estado no g1 Bahia.

Assista aos vídeos do g1 e TV Bahia 💻

7 vídeos

Ouça 'Eu Te Explico' 🎙


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Últimas notícias








Calendar