Carregando...

FGV: Confiança da indústria atinge em novembro menor nível desde agosto de 2020

A confiança da indústria no Brasil mostrou em novembro queda pelo quarto mês seguido e chegou ao nível mais baixo desde meados de 2020, diante da piora tanto do cenário atual quanto das perspectivas futuras, segundo dados da Fundação Getulio Vargas (FGV).

A FGV informou nesta sexta-feira que seu Índice de Confiança da Indústria (ICI) apresentou no mês recuo de 3,1 pontos e foi a 102,1 pontos, menor nível desde agosto de 2020 (98,7 pontos).

“A confiança de novembro sinaliza uma mudança na trajetória de recuperação da indústria de forma disseminada, com 15 dos 19 segmentos apresentando queda da confiança”, destacou a economista do FGV IBRE Claudia Perdigão, em nota.

“A retração da confiança ocorre em um momento em que a inflação avança, reduzindo a capacidade de compra dos consumidores, ao mesmo tempo em que o desemprego continua elevado. Soma-se a esses pontos choques de custos e gargalos de logística. Como resultado, o setor pode terminar 2021 com o otimismo em queda”, completou.

Segundo a FGV, o Índice de Situação Atual (ISA), que mede o sentimento dos empresários sobre o momento presente do setor industrial, caiu 4,6 pontos e foi a 103,7 pontos, menor valor desde agosto de 2020 (97,8 pontos).

O Índice de Expectativas (IE), indicador da percepção sobre os próximos meses, caiu 1,6 ponto para 100,3 pontos, menor patamar desde maio desse ano (99 pontos).

Os dados mais recentes do IBGE mostram que a indústria brasileira encerrou o terceiro trimestre com perdas de 1,7% sobre o segundo, depois de recuo da produção de 0,4% em setembro.

 


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*