Carregando...

Alexandre Schwartsman: BC deve diminuir projeção da inflação, mas seguirá alta

O Especialista CNN em economia Alexandre Schwartsman comentou, nesta terça-feira (21), sobre a previsão do Copom de uma Selic mais alta do que os agentes financeiros esperam e sobre a expectativa de trazer a inflação de 2023 para o centro da meta de 3,25%.

As projeções do Banco Central para 2023 apontam uma inflação de 4%, quase 0,75% acima da meta.

Schwartsman, no entanto, apontou que as projeções não incorporam as mudanças recentes, como a tributação de combustíveis, que reduz a taxa de juros neste ano e aumenta a do ano que vem.

“Provavelmente, o Banco Central deve derrubar a projeção da inflação, mas ela deve permanecer acima da média”, afirmou o Especialista CNN.

De acordo com Schwartsman, não há possibilidade de reduzir a taxa de juros e manter a economia acelerada. “O mecanismo pelo qual a taxa de juros funciona para conter a inflação é justamente por meio da desaceleração da economia”, explicou.

Veja mais no vídeo acima.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*