Carregando...

Gigantes de tecnologia se reúnem para uniformizar padrões do metaverso

Meta, Microsoft e outros gigantes da tecnologia que correm para construir o conceito emergente de metaverso, formaram um grupo para promover o desenvolvimento de padrões que tornariam os mundos digitais nascentes das empresas compatíveis entre si.

Os participantes do Metaverse Standards Forum incluem muitas das maiores empresas que trabalham na área, de fabricantes de chips a empresas de videogames, bem como órgãos estabelecidos de definição de padrões, como o World Wide Web Consortium (W3C), disse o grupo.

No entanto, visivelmente ausente da lista de membros, por enquanto, está a Apple, que os analistas esperam se tornar dominante na corrida do metaverso assim que introduzir um headset de realidade mista este ano ou no próximo.

As empresas de games Roblox e Niantic também não foram incluídas entre os participantes do fórum, nem plataformas emergentes de metaverso baseadas em criptomoedas como The Sandbox ou Decentraland.

A Apple ainda não reconheceu publicamente os planos para um headset, embora tenha dado ao conselho de administração uma prévia do produto, segundo a Bloomberg. A empresa não respondeu imediatamente a um pedido de comentário sobre a criação do fórum sobre metaverso.

A introdução de tal dispositivo colocará a Apple em concorrência direta com a Meta, que apostou seu futuro no crescimento do metaverso e tem investido intensamente em hardware para tornar realidade sua visão de mundos virtuais interconectados.

A Apple esteve fortemente envolvida na criação de padrões da web como HTML5 no passado. Para conteúdo tridimensional no metaverso, a Apple trabalhou com a Pixar no formato de arquivo “USDZ” e com a Adobe para garantir o suporte ao formato.

Neil Trevett, executivo da fabricante de chips Nvidia que preside o Metaverse Standards Forum, disse em comunicado à Reuters que qualquer empresa é bem-vinda para se juntar ao grupo, incluindo participantes do mundo das criptomoedas.

O fórum visa facilitar a comunicação entre uma variedade de organizações de padrões e empresas para trazer “interoperabilidade do mundo real” no metaverso, disse ele, sem abordar como a ausência da Apple afetará esse objetivo.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*