Carregando...

WhatsApp testa lista que dedura quem saiu ou foi removido de um grupo

O WhatsApp exibirá uma lista de antigos participantes que já não fazem mais parte de um grupo. Na compilação 22.16.0.70 do app de mensagens para iOS existe uma tela chamada "Informações do grupo" em uma nova seção dedicada à exibição de participantes antigos — é ali que estão listados os membros que saíram ou foram removidos nos últimos 60 dias.

WhatsApp testa lista que dedura quem saiu ou foi removido de um grupo
Foto: tuaulamac/VisualHunt / Canaltech
  • Confira todas novidades do WhatsApp em 2022 e mais o que vem por aí
  • WhatsApp testa novo menu de contexto e corretor automático no Windows 11

Tal função foi encontrada também em maio, só que na versão experimental do mensageiro para Android. A seção atualmente se chama "View past participants" ("Ver participantes anteriores", em tradução livre).

  • Rotação da Terra está cada vez mais rápida, e isso preocupa cientistas
  • Autoridades chilenas investigam buraco misterioso; assista
  • As notícias do dia você acompanha na capa do Terra; confira!
A lista de membros anteriores é visível para todos os participantes atuais do grupo (Imagem: Reprodução/WABetaInfo)
A lista de membros anteriores é visível para todos os participantes atuais do grupo (Imagem: Reprodução/WABetaInfo)
Foto: Canaltech

Em grupos de amigos e familiares, essa função pode não fazer tanta diferença no dia a dia, mas quando as Comunidades do WhatsApp chegarem, ela terá o importante papel de ajudar na manutenção das conversas — se alguém saiu do chat, mas precisa ser contactado pelos membros atuais, a função serviria também para isso, por exemplo.

Diferente de quando esse recurso foi visto no Android, a lista de membros anteriores já funciona no iOS e pode ser consultada por testadores. Tudo indica que qualquer integrante do grupo pode conferir os nomes, então a função não é restrita aos administradores.

Lançamento lento

Agora, somente testadores do app para iOS podem conferir a novidade e não há previsão para liberação ampla do recurso para as versões de Android, PC ou web. Da mesma forma, não há como apontar uma data exata em que a função será disponibilizada para o público geral.

Fonte: WABetaInfo

Trending no Canaltech:

  • Site gratuito restaura fotos de maneira impressionante usando IA
  • Substituto do Onix? Chevrolet prepara lançamento de novo carro compacto
  • Startups participam de maior competição do Brasil e podem ir para fora do país
  • Cientistas explicam o que acontece com o cérebro depois da meia-noite
  • Câmara aprova MP que regulamenta home office e altera regra do vale-refeição


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*