Carregando...

Eleições 2022: g1 e CBN farão debate com candidatos a vice-governador de São Paulo

Logo Eleições g1, CBN, Grupo EP; Campinas; Piracicaba; São Carlos; Ribeirão Preto — Foto: Arte/EPTV

Logo Eleições g1, CBN, Grupo EP; Campinas; Piracicaba; São Carlos; Ribeirão Preto — Foto: Arte/EPTV

Como parte da cobertura eleitoral deste ano, o g1 realizará um debate ao vivo com candidatos a vice-governador de São Paulo no próximo dia 19 de setembro, às 15h. Quatro concorrentes ao pleito confirmaram presença.

O debate é realizado pelas equipes do g1 da EPTV, afiliada da TV Globo, em parceria com as rádios CBN Ribeirão Preto, São Carlos e Araraquara. O encontro terá como sede a emissora de TV em Campinas, interior do estado.

Confirmaram presença:

  • Doris Alves (Novo), vice de Vinicius Poit (Novo)
  • Felicio Ramuth (PSD), vice de Tarcísio de Freitas (Republicanos)
  • Geninho Zuliani (União Brasil), vice de Rodrigo Garcia (PSDB)
  • Gleides Sodré (PDT), vice de Elvis Cezar (PDT).

Foram convidados os cinco candidatos cujo partido ou coligação possui o número mínimo de parlamentares exigidos pela legislação eleitoral.

A candidata Lúcia França (PSB), vice de Fernando Haddad (PT), embora cumpra o requisito, foi a única a recusar o convite, segundo a assessoria, por incompatibilidade de agenda.

Os eleitores podem assistir ao confronto de ideias pela página do g1 ou sintonizando as rádios CBN, cujas frequências FM são 90.5 (Ribeirão Preto); 95.7 (Araraquara); e 103.9 (São Carlos). O debate também será transmitido pelos sites das três rádios.

LEIA TAMBÉM:

  • Candidatos a vice de MG também farão debate
  • Acompanhe as pesquisas eleitorais
  • Veja as principais notícias das eleições deste ano

Mulher vota na urna eleitoral em cabina de votação — Foto: Roberto Jayme/Ascom/TSE

Mulher vota na urna eleitoral em cabina de votação — Foto: Roberto Jayme/Ascom/TSE

Formato

O debate terá quatro blocos em que os candidatos fazem perguntas entre si. No primeiro bloco, o tema é livre e o mediador sorteia o candidato a perguntar, que escolhe quem responderá. Cada candidato poderá responder no máximo uma pergunta.

Já no segundo bloco, será sorteado o tema e o candidato que fará a pergunta. Permanece a regra de que cada político poderá responder apenas uma vez.

No terceiro bloco, o mediador sorteia os nomes de quem responde e quem pergunta. Por fim, o quarto bloco será reservado às considerações finais.

Tempo

Os três primeiros blocos terão a mesma divisão de tempo: 30 segundos para a pergunta; 1 minuto e 30 segundos para a resposta; 1 minuto e réplica; e 1 minuto para a tréplica.

No quarto bloco, cada candidato terá dois minutos para as considerações finais.

O debate terá formato 100% presencial e sem plateia no estúdio.

VÍDEOS: destaques da região de Campinas

50 vídeos

Veja mais notícias da região no g1 Campinas


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*