Carregando...

Homem atropelado por caminhão desgovernado no Ceará recebe alta; dois permanecem internados

Carros atingidos pelo caminhão desgovernado que matou 3 pessoas na zona rural do Crato

Carros atingidos pelo caminhão desgovernado que matou 3 pessoas na zona rural do Crato

Um dos três pacientes que estava internado no Hospital Regional do Cariri após ser atropelado por um caminhão desgovernado no distrito de Dom Quintino, zona rural do Crato, no Sul do Ceará, recebeu alta médica neste domingo (19). Além dos feridos, outras três pessoas morreram atropeladas pelo caminhão. O acidente aconteceu na noite de sexta-feira (17).

  • Compartilhe no WhatsApp
  • Compartilhe no Telegram

O paciente que recebeu alta médica neste domingo, um homem de 55 anos, estava internado em Juazeiro do Norte. Ele e outras duas vítimas foram levadas por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) até a unidade hospitalar.

Segundo o hospital, um jovem de 18 anos passou por uma cirurgia de trauma e está em processo de recuperação. Uma mulher de 50 anos, que também foi atingida pelo caminhão, também permanece internada, consciente e orientada.

LEIA TAMBÉM:

  • Caminhão desgovernado atropela pedestres e deixa três mortos na zona rural do Crato, no Ceará
  • Duas vítimas do acidente com caminhão desgovernado que matou três pessoas são sepultadas no Ceará
  • Moradores cobram desvio em rua após acidente com três mortos na zona rural do Crato, no Ceará; prefeitura avalia

O acidente

Gildervania Correia de Araújo, de 31 anos; Kleber Alves Taveira, de 30 anos; e Celso Algesio Ferreira morreram após serem atropelados por um caminhão desgovernado no distrito de Dom Quintino, no Crato. — Foto: Arquivo pessoal

Gildervania Correia de Araújo, de 31 anos; Kleber Alves Taveira, de 30 anos; e Celso Algesio Ferreira morreram após serem atropelados por um caminhão desgovernado no distrito de Dom Quintino, no Crato. — Foto: Arquivo pessoal

Duas das três vítimas que morreram no acidente foram sepultadas na tarde deste sábado (18). Gildervania Correia de Araújo, conhecida como Maria, 31 anos, foi enterrada em Dom Quintino, localidade onde ocorreu a tragédia. Já Kléber Alves Taveira, 30 anos, foi sepultado na cidade de Várzea Alegre, onde morava.

Celso Algesio Ferreira foi sepultado na manhã deste domingo (19) na cidade de Farias Brito.

Além dos três mortos, o acidente deixou outras pessoas feridas. Dom Quintino amanheceu neste sábado (18) com carros destruídos nas ruas, postes inclinados e casas com marcas do caminhão. Horas após o caso, o motorista do veículo foi ouvido na Delegacia Regional do Crato e liberado. Por conta da tragédia, a prefeitura cancelou a festa de abertura do aniversário da cidade.

Segundo a Delegacia Regional do Crato, o motorista não apresentava sinais de embriaguez. Ele prestou esclarecimentos na unidade policial e foi liberado. Um inquérito foi instaurado para a investigação.

Distrito de Dom Quintino, no Crato, amanheceu com as marcas de destruição causada pelo caminhão desgovernado que matou três pessoas. — Foto: Reprodução

Distrito de Dom Quintino, no Crato, amanheceu com as marcas de destruição causada pelo caminhão desgovernado que matou três pessoas. — Foto: Reprodução

Veja mais notícias do Ceará no g1 em 1 Minuto

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*