Carregando...

'Coração sangrando', diz pai de motoboy morto em acidente com blogueira que dirigia na contramão - Notícias - R7 Cidades

“Um pai arrasado e com o coração sangrando”. Assim se define Almir Medeiros, pai do motoboy Jheykson Roger Medeiros, que morreu no sábado aos 36 anos após ser atropelado pela influenciadora Cássia Vialli, que dirigia na contramão em uma via de Curitiba e estaria embriagada, conforme testemunhas.

Almir divulgou um vídeo nas redes sociais desabafando sobre a morte do filho e criticando a influenciadora. A motorista é uma blogueira com mais de 40 mil seguidores e dirigia uma caminhonete.

“Você tirou a vida do meu filho, com 36 anos, Jheykson Roger Medeiros deixou um filho de 7 anos e esposa, e deixou um pai arrasado com o coração sangrando. Pai, mãe, mais três irmãos. O que você acha que você fez de bom nessa vida”, questionou ele, em vídeo.

“Fazer a influencer, pegar pontuação na internet, pra que? Pra sair na contramão podre de bêbada e matando o meu filho, ou o filho de qualquer um outro por aí?”, completou o pai, emocionado.

O caso é investigado pela polícia do Paraná. Cássia Vialli se apresentou à polícia acompanhada de seu advogado e não deu detalhes dos fatos ocorridos naquela noite.

O inquérito apura homicídio qualificado pela embriaguez, omissão de socorro e pela motorista afastar-se do local do acidente. A polícia tem como uma das provas a comanda utilizada pela influenciadora no bar onde estava antes do acidente. O registro indica que ela consumiu três caipirinhas de vinho. 

Cássia Vialli já divulgou vídeo sobre o acidente, onde afirma que errou. “Quero dizer pra vocês que eu errei e aceito todas as consequências”, disse.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*