Carregando...

VÍDEO: alunas trocam socos e puxões de cabelo dentro de escola de Sobradinho, no DF

Alunas do Centro de Ensino Médio 1 de Sobradinho, no DF, brigam dentro da escola

Alunas do Centro de Ensino Médio 1 de Sobradinho, no DF, brigam dentro da escola

Duas estudantes do Centro de Ensino médio 1 de Sobradinho, no Distrito Federal, foram transferidas de escola após se envolverem em uma briga, na manhã de sexta-feira (13). Nas cenas gravadas por outros alunos e divulgadas nas redes sociais, duas adolescentes discutem na entrada de umas das salas. Elas trocam socos, puxões de cabelo enquanto outros colegas tentam separá-las (Veja vídeo acima).

LEIA TAMBÉM:

  • PLANALTINA: Facão e 'soco inglês' são apreendidos com estudantes de escola pública no DF
  • VÍDEO: jovem aponta arma para cabeça de aluna durante briga em porta de escola no DF

Por nota, a Secretaria de Educação do DF informou que "a briga aconteceu dentro da escola e a direção da unidade de ensino precisou intervir. Em seguida, a equipe gestora entrou em contato com os pais das duas alunas envolvidas". Somente neste ano, até 7 de abril, a Polícia Civil do Distrito Federal registrou 581 ocorrências de violência no ambiente escolar. A média é de 5 casos por dia.

Furtos e ameaças lideram o ranking de delitos. Veja tabela abaixo:

Natureza dos delitos praticados em ambiente escolar, no DF — Foto: PCDF/Reprodução

Natureza dos delitos praticados em ambiente escolar, no DF — Foto: PCDF/Reprodução

Mais de 10,3 mil ocorrências desde 2017

Alunas do Centro de Ensino Médio 1 de Sobradinho, no DF, brigam dentro da escola — Foto: Redes sociais/Reprodução

Alunas do Centro de Ensino Médio 1 de Sobradinho, no DF, brigam dentro da escola — Foto: Redes sociais/Reprodução

De 2017 até abril de 2022, segundo a Polícia Civil do DF, foram registrados 10.378 casos de violência no ambiente escolar. Deste total, 54,9% ocorreram em escolas públicas, 19% em escolas particulares e, o restante, em faculdades públicas e privadas.

As regiões com maior número de ocorrências são o Plano Piloto, Taguatinga, Ceilândia, Gama, Samambaia e Planaltina.

Veja tabela abaixo:

Número de ocorrências nas escolas do DF — Foto: PCDF/Reprodução

Número de ocorrências nas escolas do DF — Foto: PCDF/Reprodução

Plano para prevenir conflitos nas escolas começa em junho, diz Secretaria de Educação

Jovem aponta arma para aluna durante briga em frente a escola no DF — Foto: Reprodução

Jovem aponta arma para aluna durante briga em frente a escola no DF — Foto: Reprodução

Segundo a Secretaria de Educação (SEE-DF), a previsão é que o Plano de Urgência pela Paz comece a ser implementado nas escolas públicas do DF em 6 de junho. A pasta elabora um cronograma de ações a partir de um documento chamado "Caderno de Convivência Escolar e Cultura de Paz", que deverá servir de base para a formação de professores, sobre como tratar o tema violência com os alunos.

A pasta diz que o plano vai envolver 126 escolas e que "casos de violência nas unidades de ensino tendem a ficar cada vez mais raros, na medida em que o plano for avançando".

Ações que estão em execução nos colégios, segundo a SEE-DF :

  • Distribuição para todas as escolas da rede pública do Caderno de Convivência Escolar e Cultura de Paz;
  • Criação de um canal direto entre os Coordenações Regionais de Ensino (CRE's) e a Polícia Militar;
  • Reforço do efetivo do Batalhão Escolar;
  • Operação de revista nas portas das escolas e nas salas de aula, sempre que for solicitado pelos diretores;
  • Prosseguimento do programa de Saúde Escolar (nacional), que previne desde a proliferação do mosquito da dengue até o uso de drogas e álcool;
  • Implementação em todas as regionais de ensino do programa Práticas Integrativas de Saúde (PIS).

Leia mais notícias sobre a região no g1 DF.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*