Carregando...

Compositora de "Cachorrinhas" desabafa: "Injusto e frustrante"

Elana Dara, compositora da música Cachorrinhas, lançada recentemente por Luísa Sonza, foi as redes sociais nesta quarta-feira para desabafar sobre o assunto. A canção atingiu o pico das 10 músicas mais ouvidas no TOP 30 Gay Brasil e tem sido motivo de muito orgulho para Luísa.

Devido a grande repercussão da música, Elana afirmou nas redes sociais que não foi devidamente valorizada pelo trabalho: "Quando eu estiver no topo, o compositor vai ter voz pra caralho, vai ser valorizado como merece! Porque é muito injusto e frustrante você não levar crédito por uma ideia sua (crédito e justiça em porcentagem de composição também). Quem sabia valorizar de verdade essa parte embrionária de uma música era Marília Mendonça. Por isso que o sertanejo está sempre em alta, a galera pega na mão e se ajuda o tempo todo e eu não 'ajudei' ninguém a fazer, não. A ideia é minha e ninguém tava dando moral antes de ver o negócio pronto. E eu só não travei o lançamento da música, porque fui muito parceira (inocente e medrosa). Não estou querendo 'mexer' com ninguém. Só estou relatando um fato que acontece o tempo todo nas composições."

  • O Elvis Presley que o filme esconde mas que a história precisa reavaliar; leia análise
  • 60 anos dos Rolling Stones: irreverência e intensidade de uma banda imortal
  • As notícias do dia você acompanha na capa do Terra; confira!
Fotos: Rodolfo Magalhães | Pam Martins
Fotos: Rodolfo Magalhães | Pam Martins
Foto: The Music Journal

E continuou: "Estava vendo a Ariana Grande falando da mina que pensou em 'Positions' e sem falar de gente tentando surrupiar porcentagem de compositor (que já é pouco). Ninguém é de aço. Por favor, se eu to vindo falar sobre isso aqui é porque foi 'paia' mais de uma vez com mais de uma pessoa. Só que ninguém fala nada, nunca. Quem me conhece sabe que sou muito tranquila e quero chegar em todos os lugares possíveis com o meu trabalho e minha arte. A crítica foi a esse movimento que rola na composição do pop, que é foda o apoio de artistas mais relevantes no mercado, para só deixar tudo justo nas divisões, saca?", explicou.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*