Carregando...

Crise do cinema brasileiro tem semana emblemática com quatro estreias sufocadas

Foto: Divulgação/Pandora Filmes / Pipoca Moderna

Na ausência de blockbusters, a programação de cinema da semana coloca o novo desenho da franquia televisiva "Dragon Ball" em quase mil salas. Trata-se da maior distribuição de um anime no Brasil em todos os tempos.

Enquanto isso, quatro estreias nacionais precisam brigar por espaço na concorrida programação. Com maior distribuição, "45 do Segundo Tempo" chega a 230 cinemas. Mas todos enfrentam a falta de proteção ao cinema brasileiro no mercado. A falta de regulamentação e critério é tanta que permite até um desenho japonês sufocar a produção nacional.

  • Atriz da série 'Barrados no Baile', Denise Dowse, morre aos 64 anos
  • Luana Piovani sobre primeira cena de nudez: 'me senti segura'
  • As notícias do dia você acompanha na capa do Terra; confira!

O Brasil sempre teve problemas para distribuir, mas com o governo Bolsonaro acabaram-se os mecanismos de proteção e os lançamentos acontecem em circuito cada vez mais limitado, impedindo a possibilidade de sucessos comerciais. A crise está escancarada, resultado de uma política anticultural fomentada por ódio político e ideológico, que culminou em veto do presidente à lei que incentiva a abertura de novos cinemas e na cumplicidade do presidente da Câmara, que não pauta a lei da política de cotas. E se apresenta para todo mundo não ver, exatamente na falta de destaques nacionais em cartaz.

Confira abaixo as 10 estreias desta quinta (18/8), que incluem ainda o novo filme do mestre Zhang Yimou e outros títulos, que disputam os cinemas de arte com as produções brasileiras que mereciam maior destaque.

 

| MEU ÁLBUM DE AMORES |

 

O diretor Rafael Gomes ("Música para Morrer de Amor") completa uma trilogia sentimental com esta comédia sobre um jovem que descobre ser filho de um famoso cantor popular dos anos 1970 no mesmo dia em que é dispensado pela namorada. A notícia é dada por um meio-irmão que não conhecia e com quem vai compartilhar uma missão: deixar as cinzas do ídolo brega com o grande amor de sua vida. Só que, mulherengo, o cantor deixou muitos amores e não será fácil achar o maior deles.

O filme destaca Gabriel Leone ("Dom") em papel duplo, encarnando o cantor e seu filho, além de uma trilha sonora original de Odair José e Arnaldo Antunes, que acrescentam muito à trama. O elenco também inclui Felipe Frazão ("Todxs Nós"), Carla Salle ("Onisciente"), Maria Luísa Mendonça ("Verdades Secretas"), Lorena Comparato ("Rensga Hits!") e Clarisse Abujamra ("Como Nossos Pais"), entre muitos outros.

 

| 45 DO SEGUNDO TEMPO |

 

Três amigos de colégio se reencontram após 40 anos para recriar uma foto tirada no dia da inauguração do metrô de São Paulo. A reunião é, na realidade, o pretexto de um deles, dono de um restaurante com problemas financeiros, para avisar aos demais que pretende se matar. Mas não antes de ver o Palmeiras ser campeão.

A comédia sombria de Luiz Villaça ("O Contador de Histórias") é estrelada por Tony Ramos ("Se Eu Fosse Você"), Cassio Gabus Mendes ("Justiça") e Ary França ("Samantha!") e usa o expediente do reencontro para confrontar a nostalgia de um passado irreal, embelezado por lembranças distantes, e um presente de desencanto com os rumos das vidas. Os três viraram pessoas completamente diferentes de quem eram. E embora um deles tenha tomado a decisão de encerrar sua história assim, os outros dois passam a ponderar a opção da ressignificação. O resultado é um belo filme que, como o título indica, reforça a fé na esperança até o apito final.

 

| MAIOR QUE O MUNDO |

 

A adaptação do livro homônimo de Reinaldo Moraes traz Eriberto Leão ("Ilha de Ferro") como um escritor que assinou apenas uma obra e sofre com bloqueio criativo. Ao encontrar um diário perdido, ele fica entusiasmado com a história do anão Altair e decide transcrevê-la como se fosse sua criação. Vira o maior sucesso, mas também desperta a fúria do autor original, um criminoso perigoso, criando consequências inesperadas.

A comédia besteirol chama mais atenção por incluir a primeira cena de nudez de Luana Piovani ("A Mulher Invisível") no cinema. Com visual diferente e moderno, ela vive uma bissexual amiga do protagonista e tem uma cena de sexo a três. O elenco do longa de Roberto Marquez também destaca Maria Flor ("Pequeno Segredo"), Gabi Lopes ("A Menina que Matou os Pais") e Giovanni Venturini ("Veneza") como Altair.

 

| PAIXÕES RECORRENTES |

 

A cineasta Ana Carolina retorna ao cinema após oito anos - estava ausente desde "A Primeira Missa" (2014) - com uma premissa de piada. Um comunista brasileiro, um capitalista português, um fascista argentino e uma trotskista francesa se encontram num bar… A alegoria se passa numa praia remota onde, de forma teatralizada, todos defendem suas ideologias no dia em que estoura a 2ª Guerra Mundial.

 

| A TEORIA DOS VIDROS QUEBRADOS |

 

A comédia uruguaia acompanha um empregado de uma companhia de seguros designado a trabalhar em uma longínqua e pequena cidade. Após sua chegada, vários carros começam a aparecer incendiados durante a noite sem motivo aparente, e ele deverá resolver o mistério para impedir que a escalada de cobertura de seguros impeça sua progressão dentro da empresa. Tudo isso, enquanto administra uma crise em seu casamento.

Escrito e dirigido por Diego Fernández ("Rincón de Darwin"), foi o candidato do Uruguai a uma vaga na categoria de Filme Internacional do Oscar 2022.

 

| LUTA PELA LIBERDADE |

 

O primeiro filme de espionagem do mestre Zhang Yimou ("Herói") se passa na década de 1930 e segue quatro agentes especiais do Partido Comunista que retornam à China depois de receber treinamento na União Soviética. Mas ao embarcarem em sua primeira missão, são traídos e se veem cercados por perigos de todos os lados. A fotografia é deslumbrante - praxe nos filmes de Yimou - e foi reconhecida com alguns dos 19 troféus conquistados pelo filme em festivais e premiações da indústria cinematográfica chinesa.

 

| UM PEQUENO GRANDE PLANO |

 

O astro Louis Garrel ("O Formidável") dirige e estrela essa comédia francesa sobre pais de uma criança sensível, que decide vender vários objetos de valor da família para salvar o planeta. Vendo que a determinação do garoto é séria, sua mãe (Laetitia Casta, de "O Que as Mulheres Querem") resolve acompanhá-lo em sua missão na África.

 

| DE VOLTA À BORGONHA |

 

O novo filme do francês Cédric Klapisch (de "Albergue Espanhol") acompanha o reencontro de três irmãos na fazenda da família, após o pai adoecer de forma terminal. Um deles não voltava há 10 anos e tudo o que quer da herança é vender sua parte e desaparecer. Mas os outros querem convencê-lo a dar continuidade à vinícola da família.

 

| LOS CONDUCTOS |

 

O drama do colombiano Camilo Restrepo foi premiado como Melhor Filme de Estreia no Festival de 2020. A trama acompanha um homem com a vida despedaçada e assombrado por um único desejo: assassinar o líder da seita da qual fez parte por muitos anos.

 

| DRAGON BALL SUPER - SUPER HERO |

 

O novo filme da franquia animada coloca os Saiyajins contra androides poderosos num enredo que pode ser resumido como uma batalha de super-heróis. Mesmo com o exército Red Ribbon destruído por Son Goku, seus remanescentes decidem levar adiante sua missão e criaram os androides supremos Gamma 1 e Gamma 2. Estes dois androides - que se intitulam "super-heróis" - decidem atacar Piccolo e Gohan, dando início ao conflito da produção.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Últimas notícias








Calendar