Carregando...

Bovespa fecha em queda com exterior no radar

O principal índice de ações da bolsa de valores de São Paulo, a B3, fechou em queda nesta quarta-feira (15), com dados negativos do exterior no radar.

O Ibovespa recuou 0,96%, a 115.062 pontos. Veja mais cotações.

Na terça-feira, a bolsa fechou em queda de 0,19%, a 116.181 pontos. Com o resultado desta quarta, o Ibovespa passou a acumular recuo de 3,13% no mês. No ano, a perda é de 3,32%.

Cenário

Na agenda de indicadores, o Banco Central divulgou mais cedo o Índice de Atividade Econômica (IBC-BR) de julho, considerado uma prévia do PIB, que apontou expansão de 0,6%, no segundo mês seguido de alta – porém abaixo dos 0,92% de junho.

O mercado segue de olho na tensão política e na piora das expectativas para o desempenho da economia brasileira em 2022. Parte dos analistas já projetam uma alta do Produto Interno Bruto (PIB) abaixo de 1% no ano que vem em meio a um cenário de inflação mais alta e juros também mais elevados, e de piora da crise hídrica.

Na terça-feira, o ministro da Economia, Paulo Guedes disse que a cotação do dólar deveria estar caindo, mas que “o barulho político” mantém a moeda norte-americana em alta.

Um grupo de juristas coordenado pelo ex-ministro da Justiça Miguel Reale Júnior entregou nesta terça-feira à CPI da Covid estudo listando 7 possíveis crimes cometidos pelo presidente Jair Bolsonaro durante a pandemia.

Na cena externa, os setores industrial e de varejo da China perderam força em agosto, reforçando de que o PIB da segunda maior economia do mundo está em desaceleração.

  • LEIA TAMBÉM: Golpismo de Bolsonaro prejudica retomada da economia e crise pode se acentuar; entenda

Variação do Ibovespa em 2021 — Foto: Economia G1

Variação do Ibovespa em 2021 — Foto: Economia G1


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Calendar