Carregando...

José Mauro Coelho pede demissão da presidência da Petrobras

Depois de o governo aumentar a pressão, o presidente demissionário da Petrobras, José Mauro Coelho, pediu para deixar o cargo na manhã desta segunda-feira, 20, segundo informação da Petrobras ao mercado e conforme tinha sido antecipado por fontes próximas ao executivo no fim de semana.

"A nomeação de um presidente interino será examinada pelo Conselho de Administração da Petrobras a partir de agora", informou a estatal em nota à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

  • Lira ameaça dobrar imposto sobre lucro da Petrobras
  • Governo recebe parcela de R$ 8,8 bi do lucro da Petrobras nesta segunda
  • As notícias do dia você acompanha na capa do Terra; confira!

Coelho, indicado pelo governo de Jair Bolsonaro para o cargo, tomou posse em 14 de abril e foi demitido no dia 23 de maio. A saída do cargo abre caminho para que o novo indicado pelo governo, Caio Paes de Andrade, tenha sua posse acelerada.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*