Carregando...

IBP eleva estimativas de produção de diesel S10 no Brasil para setembro e outubro

O Instituto Brasileiro de Petróleo e Gás Natural (IBP) elevou as estimativas de produção de diesel S10 A (puro) no Brasil para os meses de setembro e outubro, segundo boletim divulgado nesta quinta-feira.

Paralelamente, a entidade revisou para baixo em boletim mensal as estimativas de importação para esses meses, em função da recente alta do dólar frente ao real e da manutenção das previsões quanto aos volumes de demanda no país.

  • Empresário é assassinado após ser sequestrado em São Paulo
  • Rock In Rio: saiba quais foram os cachês mais caros da história do festival
  • As notícias do dia você acompanha na capa do Terra; confira!

Os novos volumes para a produção representam aumentos de 1,27% e 8,8% para os meses de setembro e outubro, respectivamente, na comparação com as previsões anteriores.

O instituto estima que o Brasil produzirá 1,988 bilhão de litros de diesel em setembro, ante 1,963 bilhão previsto na publicação anterior, e 2,094 bilhões em outubro ante 1,925 bilhão que constava do boletim passado.

Essas estimativas já levam em conta as paradas técnicas das refinarias, como as duas da Refinaria de Paulínia (Replan), da Petrobras, previstas para serem concluídas na segunda quinzena de setembro.

Pelo lado da importação, os volumes previstos recuaram 3,25% em setembro e 13,8% para outubro, com projeção de 1,397 bilhão de litros para este mês, ante 1,444 bilhão anteriormente, e 1,263 bilhão de litros em outubro, ante 1,465 bilhão.

MAIS IMPORTAÇÃO NO ÚLTIMO BIMESTRE

Já para os meses de novembro e dezembro, o IBP revisou ligeiramente para baixo a produção do diesel S10 e elevou as estimativas de importação.

Em novembro, o país deve produzir 2,051 bilhões de litros, uma redução de 0,39% na comparação com a projeção do boletim anterior. Em dezembro, a produção deve totalizar 2,385 bilhões, 0,5% abaixo da previsão de agosto.

A importação deve totalizar 1,069 bilhão de litros em novembro, 2% acima do previsto na publicação passada, e 753 milhões de litros em dezembro, aumento de 1,34%.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*