Carregando...

Rolling Stones excluem hit "Brown Sugar" do repertório de shows

Os Rolling Stones retiraram do repertório dos shows sua clássica canção “Brown Sugar”, que começa com uma narrativa de escravos e sexualiza jovens mulheres negras.

Mick Jagger afirmou ao jornal “Los Angeles Times” que a banda eliminou a música das apresentações.

“Nós tocamos ‘Brown Sugar’ todas as noites desde 1970, então às vezes você pensa, ‘vamos tirar aquele por agora e ver como vai ser'”, disse ele. “Podemos colocá-lo de volta.”

Keith Richards disse ao “Times” que espera poder tocar alguma versão da música no futuro.

“Estou tentando descobrir com as irmãs onde está a briga. Será que elas não entenderam que esta é uma música sobre os horrores da escravidão? Mas estão tentando enterrá-la. No momento, não quero entrar em conflito com toda essa merda”, disse ele. “Mas eu espero que possamos ressuscitar o bebê em sua glória em algum lugar ao longo do caminho.”

Lançado em 1971, as primeiras linhas de “Brown Sugar” fazem referência a uma mulher sendo vendida como escrava e chicoteada por volta da meia-noite. O refrão da música inclui “açúcar mascavo”, referindo-se às mulheres negras, perguntando “Por que você tem um gosto tão bom?”.

Os críticos protestaram contra a música durante anos, condenando seu retrato violento e estereotipado das mulheres negras.

“Eu nunca escreveria essa música agora”, disse Jagger à Rolling Stone em 1995. “Eu provavelmente me censuraria.”

Os Rolling Stones estão atualmente em sua turnê “No Filter”, com paradas em cidades da América do Norte agendadas para novembro. Esta é a primeira turnê da banda desde a morte do baterista Charlie Watts.

(Texto traduzido, leia original em inglês aqui)


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*