Carregando...

Sinead O'Connor é internada uma semana após morte de filho de 17 anos

Sinéad O’Connor foi internada no hospital, uma semana depois que seu filho de 17 anos foi encontrado morto.

A cantora de “Nothing Compares 2 U” disse aos fãs na noite de quinta-feira que estava indo para o hospital para receber ajuda depois de compartilhar uma série de postagens perturbadoras no Twitter que planejava tirar a própria vida.

“Decidi seguir meu filho. Não adianta viver sem ele. Tudo que eu toco, eu estrago. Eu só fiquei por ele. E agora ele se foi”, escreveu ela em uma conta não verificada do Twitter vinculada à sua conta oficial.

O’Connor – que foi aberta sobre suas próprias lutas mentais e pensamentos suicidas no passado – continuou dizendo que se sentia “perdida” e se culpava pela morte de seu filho adolescente.

A mãe de quatro filhos seguiu o tópico uma hora depois, pedindo desculpas por seus posts alarmantes e tranquilizando os fãs de que estava procurando atendimento médico.

“Desculpe. Eu não deveria ter dito isso. Estou com a polícia agora a caminho do hospital. Desculpe por ter chateado todo mundo”, ela postou, acrescentando: “Estou perdida sem meu filho e me odeio. O hospital vai ajudar um pouco. Mas eu vou encontrar Shane. Isso é apenas um atraso.”

Os representantes de O’Connor se recusaram a comentar o assunto à CNN.

O corpo de Shane O’Connor foi descoberto em 7 de janeiro, dois dias depois que ele desapareceu, confirmou a empresa de gestão do cantor à CNN no sábado.

O’Connor anunciou sua morte no Twitter, dizendo que seu filho “lindo” “decidiu acabar com sua luta terrena”.

“Nevi’im Nesta Ali Shane O’Connor, a própria luz da minha vida, decidiu acabar com sua luta terrena hoje e agora está com Deus”, escreveu ela. “Que ele descanse em paz e que ninguém siga seu exemplo. Meu bebê. Eu te amo muito. Por favor, fique em paz.”


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*