Carregando...

Dois são condenados a 27 e 24 anos de prisão por morte de motorista de aplicativo no ES

Motorista de aplicativo foi encontrado morto em Guarapari — Foto: Reprodução/TV Gazeta

Motorista de aplicativo foi encontrado morto em Guarapari — Foto: Reprodução/TV Gazeta

Dois homens foram condenados a 27 e 24 anos de prisão pela morte do motorista de aplicativo Amarildo Amaro Freire, em Guarapari, no Espírito Santo.

O motorista foi torturado e morto durante um assalto em março e a sentença saiu na última segunda-feira (30).

Joadson Lima dos Santos e Elias Brito Bernardes da Silva foram condenados por ocultação de cadáver, latrocínio (roubo seguido de morte) e corrupção de menor, já que, segundo a sentença, praticaram o crime com um adolescente de 16 anos.

Joadson foi condenado a 27 anos de prisão, inicialmente em regime fechado, e Elias a 24 anos e seis meses, também inicialmente em regime fechado.

Ambos os condenados já estão presos desde março.

A reportagem busca contato das defesas dos condenados.

VÍDEOS: tudo sobre o Espírito Santo

200 vídeos

  • Veja o plantão de últimas notícias do G1 Espírito Santo


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*