Carregando...

Ao L!, Dudu, do Atlético-GO, projeta duelo contra o Flamengo e destaca: 'Temos que beirar a perfeição'

Dudu deve ser titular do Atlético-GO contra o Flamengo (Foto: Bruno Corsino/ACG)
Dudu deve ser titular do Atlético-GO contra o Flamengo (Foto: Bruno Corsino/ACG)
Foto: Lance!

Embora o Flamengo venha de um momento conturbado na temporada, o Atlético-GO não deve ter vida fácil na partida desta sexta-feira, às 21h30, no Maracanã, válida pela 19ª rodada do Brasileirão. A opinião é compartilhada por Dudu, lateral-direito do Dragão, que, em entrevista exclusiva ao LANCE!, ainda frisou que o time precisará ter uma atuação que "beira a perfeição" para conquistar os três pontos.

  • Presidente do Athletico-PR a Gabigol: "Molecagem aqui não!"
  • Neto detona atitude de Gabigol em empate do Fla: "Soberba"
  • As notícias do dia você acompanha na capa do Terra; confira!

- Acredito que não (teremos uma vantagem com o momento do Fla), sabemos da qualidade do Flamengo e da força que eles têm junto com a torcida. Vai ser um jogo muito complicado e temos que beirar a perfeição para sair com um resultado positivo no Maracanã, que vai nos ajudar muito na nossa caminhada.

Dudu, inclusive, não atua desde o dia 9 de outubro, quando o Atlético-GO empatou sem gols com o Fluminense, pela 25ª rodada do Brasileirão. O lateral sofreu uma lesão na coxa e precisou ser substituído ainda no começo do primeiro tempo. No entanto, agora, ele garante que está recuperado e espera aguentar os 90 minutos de partida contra o Fla.

- É muito ruim ficar machucado, mas são processos naturais que temos que passar para nos fortalecer. Me sinto bem e 100% para ajudar meus companheiros, espero aguentar os 90 minutos contra o Flamengo pois tenho certeza que vai ser um jogo muito intenso e complicado.

Dudu não atua há quase um mês (Foto: Bruno Corsino/ACG)
Dudu não atua há quase um mês (Foto: Bruno Corsino/ACG)
Foto: Lance!

Atualmente, o Atlético-GO é o 11º colocado, com 37 pontos conquistados. Assim, o Dragão abriu vantagem de sete pontos em relação ao Z4 e está a apenas um do "G9". O termo em questão surgiu com a possibilidade de nove times garantirem, através do Brasileirão, vaga na Copa Libertadores.

Isso acontece porque, hoje, os seis primeiros colocados no Campeonato Brasileiro garantem vaga na competição continental. No entanto, caso os campões da Libertadores (Palmeiras ou Flamengo), Sul-Americana (Red Bull Bragantino ou Athletico-PR) e Copa do Brasil (Athletico-PR ou Atlético-MG) terminem o Brasileirão até a sexta colocação, mais três vagas se abrem, o que acarretaria em um "G9". Mesmo assim, Dudu pregou pés no chão e ressaltou que, primeiro, a meta é permanecer na primeira divisão.

- Sempre prego o jogo a jogo, um objetivo de cada vez. Primeiro temos que fazer a quantidade de pontos necessárias para ficar longe do Z4, só depois disso vamos buscar nosso lugar nas competições internacionais, jogo a jogo respeitando sempre as etapas uma a uma.

Por outro lado, o lateral não deixou de reforçar a confiança no Atlético-GO. No Campeonato Brasileiro, o time já bateu o Galo, líder isolado da competição, e o Fortaleza, uma das equipes que está na briga também pelo primeiro lugar. Dudu relembrou essas vitórias e acredita que o Dragão pode sair com os três pontos do Maracanã.

- Com certeza, esses jogos servem de parâmetro para sabermos que já fizemos coisas muito boas no campeonato. Que possamos entrar da mesma forma contra o Flamengo, com garra, agressividade e criatividade para buscar um resultado positivo no Maracanã.

Contudo, para levar os três pontos de volta para Goiânia, o Dragão terá a missão de parar o melhor ataque do Campeonato Brasileiro. Apesar de ter dois jogos a menos (27), o Flamengo já marcou 50 gols - melhor marca e média da competição. Dessa forma, Dudu disse que o Atlético-GO precisa fazer uma partida sem erros na defesa e garantiu que o time não deixará de atacar o Fla.

- Um duelo que ambas as equipes vão buscar o ataque quando estiverem com a bola, não vamos ficar só atrás nos defendendo, quando tivermos a bola vamos buscar ficar com ela e agredir eles. O ataque do Flamengo tem muita qualidade, temos que fazer um jogo sem erros atrás para buscarmos nosso objetivo - concluiu.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*