Carregando...

África deve apoiar planos de Copa do Mundo a cada dois anos

Acredita-se que países-membros da África apoiarão majoritariamente os planos de realizar uma Copa do Mundo a cada dois anos e também apoiarão a criação de uma Superliga quando a Confederação Africana de Futebol (CAF) realizar um congresso extraordinário no Cairo na sexta-feira.

Presidente da Confederação Africana de Futebol, Patrice Motsepe, fala com jornalistas em Abidjan, na Costa do Marfim04/05/2021 REUTERS/Luc Gnago
Presidente da Confederação Africana de Futebol, Patrice Motsepe, fala com jornalistas em Abidjan, na Costa do Marfim 04/05/2021 REUTERS/Luc Gnago
Foto: Reuters

O apoio à Copa do Mundo bienal, ao invés do atual ciclo de quatro anos, já foi expressa pelo presidente da CAF, Patrice Motsepe, e o congresso deve endossar os planos do presidente da Fifa, Gianni Infantino.

  • Flamengo atende pedido 'especial' de Renato no Uruguai
  • Ex-Inter, Athletico e Seleção de base morre aos 23 no Japão
  • As notícias do dia você acompanha na capa do Terra; confira!

"Um dos maiores beneficiários de uma Copa do Mundo a cada dois anos são os países em desenvolvimento", disse Motsepe em uma coletiva de imprensa no mês passado. De acordo com fontes internas, ele apresentará o argumento de que a renda adicional da Copa do Mundo escoará para membros africanos e reforçará seus cofres.

A postura vem à tona apesar de ameaçar o principal evento do continente, a Copa das Nações Africanas, que acontece bienalmente porque costumava responder por 80% da renda da CAF antes de a entidade começar a receber subvenções da Fifa.

Motsepe se tornou um aliado próximo de Infantino, que nos últimos meses fez grande pressão pela aceitação de seu plano de aumentar a frequência da Copa do Mundo, mas encontra uma oposição considerável da Europa e da América do Sul.

Também se acredita que a CAF pedirá uma aprovação formal de planos para uma Superliga, outra ideia de Infantino, que terá uma escala permanente de cerca de 20 times com uma ou duas mudanças por temporada.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*