Carregando...

Zagueiro brasileiro celebra volta de clube albanês para a primeira divisão após 19 anos

O zagueiro Enck Souza, de 22 anos, era apenas uma criança na última vez em que seu atual clube, o Erzeni, da Albânia, disputou a primeira divisão nacional. Em meio às adversidades de clima, cultura e língua, o defensor chegou ao clube em 2021 com uma difícil missão: ajudar o time da pequena Shijak, de quase 30 mil pessoas, a voltar para a primeira divisão albanesa após 19 anos.

Enck Souza chegou ao Erzeni em 2021, e ajudou no acesso para a elite da Albânia (Foto: Divulgação/Erzeni)
Enck Souza chegou ao Erzeni em 2021, e ajudou no acesso para a elite da Albânia (Foto: Divulgação/Erzeni)
Foto: Lance!

GALERIA

  • Adriano posta mensagem enigmática após amiga delegada ser alvo de operação
  • Tite convoca Seleção Brasileira para amistosos em junho; veja nomes
  • As notícias do dia você acompanha na capa do Terra; confira!

Dito e feito. Na semana passada, o Erzeni venceu o Burtrinti Sarandê, em casa, por 3 a 1, se classificou para a Categoria Superior e Enck entrou pra história como um dos xodós da pequena mas fervorosa torcida.

- Desde que cheguei aqui fui muito bem acolhido por todos do clube. Eles falam uma língua totalmente diferente mas não me deixei abalar com isso. Procurava estar sempre focado para fazer a leitura do que estava sendo pedido e graças a Deus superei essa barreira. Sou muito grato pela paciência que todos tiveram comigo. É um acesso histórico e eles merecem essa conquista - declarou.

Para Enck, a dureza do campeonato, muito físico, não se compara com a solidão enfrentada por viver na Albânia. O contato constante com a família e o empresário e amigo Fábio Netto ajudaram a viabilizar a situação. E por muito pouco, o título não veio.

O Erzeni terminou vice-campeão da Kategoria Ë Pare, como é conhecida a 2ª divisão no país. Foram apenas dois pontos atrás do campeão Bylis Ballshi. Além disso, o melhor saldo de gol e a segunda melhor defesa da competição são mérito do forte sistema defensivo montado pelo time de Enck.

- A equipe toda está de parabéns. A comissão técnica foi bem exigente nos treinamentos e isso nos gerou êxito. Nos dedicamos ao máximo para entregar o melhor futebol possível. Mas agora é hora de descansar junto à família e aos amigos no Brasil, mas sem perder o foco da próxima temporada que será mais difícil - disse.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*