Carregando...

Tocando berrante desde os 3 anos em rodeios, goiana se emociona ao ser escolhida no The Voice após não avançar na versão kids

Fabiana Gomes, participa do The Voice Brasil de 2021 — Foto: Reprodução/Arquivo pessoal

Fabiana Gomes, participa do The Voice Brasil de 2021 — Foto: Reprodução/Arquivo pessoal

Nascida e criada em Inhumas, na Região Metropolitana de Goiânia, Fabiana Gomes, de 19 anos, é uma das representantes de Goiás no The Voice Brasil de 2021. Ela foi escolhida por Michel Teló após os outros técnicos não virarem as cadeiras - um déjà vu de quando ela participou da primeira edição da versão Kids, aos 13 anos.

Honrando as raízes sertanejas desde pequena, ela contou que os seus primeiros palcos foram as festas de rodeio do interior de Goiás em que, aos 3 anos, já subia para tocar berrante.

“Meu tio Zé Capeta, que é berranteiro, me ensinou. Desde pequenininha eu tocava e falava versos nos rodeios”, recordou saudosa.

Fabiana Gomes aprendendo a tocar berrante com o tio — Foto: Reprodução/Arquivo pessoal

Fabiana Gomes aprendendo a tocar berrante com o tio — Foto: Reprodução/Arquivo pessoal

LEIA TAMBÉM

  • Selecionada para o The Voice, Anna Júlia faz shows desde os 13 anos e se inspira em sertanejas como Marília Mendonça

Fabiana disse que foi em um desses eventos, quando tinha uns 11 anos, que um narrador pediu para ela cantar um trechinho de alguma música. Ela soltou a voz em Pássaro de Fogo da Paula Fernandes e teve uma resposta positiva do público.

“Todo mundo aplaudiu muito, me elogiou e eu despertei esse meu lado cantora. Comecei cantando nas festas da família, fiz aula de violão até que fizeram a minha inscrição no The Voice Kids. Eu fui e as cadeiras não viraram, mas ainda assim, só de aparecer no programa, minha carreira teve um boom”, contou.

Fabiana Gomes no palco do The Voice — Foto: Reprodução/TV Globo

Fabiana Gomes no palco do The Voice — Foto: Reprodução/TV Globo

A jovem contou que foi depois de aparecer no programa que ficou conhecida na cidade e começou a ser chamada para fazer shows e se apresentar em festas de aniversário. Ela investiu em aulas de canto, começou a compor as próprias músicas e foi se aprimorando.

“Quando foi este ano meu namorado, que agora é meu noivo, fez a minha inscrição sem eu saber. Eu passei na primeira seleção e ele que recebeu o e-mail. Quando ele me falou eu fiquei em choque, foi uma alegria! Sempre comentei com ele que tinha essa vontade de voltar ao programa”, disse.

Com as emoções em alta, ela voltou ao palco do programa, desta vez mais preparada, já com um pouco mais de experiência na bagagem. No entanto, mais uma vez os jurados não viraram.

“Eu já estava decepcionada comigo mesma porque não consegui me controlar e dar o meu melhor, como eu sei que posso fazer, deixei as emoções tomarem conta. Eu nem estava lembrando que o Michel poderia me pegar e, quando ele apareceu, foi um alívio! Não aguentei, chorei mesmo”, lembrou.

Independente de altos e baixos, Fabiana lembra que o importante é perseverar, como ela sempre fez: “Nunca pensei em desistir”.

Veja outras notícias da região no g1 Goiás.

VÍDEOS: saiba o que acontece em Goiás

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*