Carregando...

Três homens são presos suspeitos de assaltar família e trancar três crianças em banheiro, em Abadia de Goiás; vídeo

Três homens são presos suspeitos de assaltar família e trancar três crianças em banheiro

Três homens são presos suspeitos de assaltar família e trancar três crianças em banheiro

Três homens foram presos suspeitos de assaltar uma família e trancar três crianças por cerca de 25 minutos em um banheiro, em Abadia de Goiás, na Região Metropolitana da capital. De acordo com a Polícia Civil, um dos suspeitos anunciou a venda de um colar de R$ 1 mil pela internet e negociou com um casal, no intuito de conseguir a localização da casa e, posteriormente, realizar o assalto.

  • Compartilhe esta notícia no WhatsApp
  • Compartilhe esta notícia no Telegram

Foram presos em flagrante, na tarde de quarta-feira (24): Kennedy Junio Alves da Silva, 25 anos, Matheus Felipe Gonçalves da Silva, 18 anos, e Yann Victor de Jesus Diniz, de 22 anos. Um vídeo mostra o momento da prisão (veja acima).

O g1 não conseguiu localizar a defesa dos suspeitos para que se posicionassem até a última atualização desta reportagem. O delegado Arthur Fleury disse que eles confessaram o crime em depoimento.

LEIA TAMBÉM:

  • Cinco jardineiros de cemitério são presos suspeitos de matar amigo por causa de suposta dívida
  • Mãe e padrasto são presos suspeitos de torturar criança de 2 anos em Goiânia
  • Homem é suspeito de furtar dois carros e R$ 300 mil da casa de tio que morreu de Covid-19 enquanto ele era enterrado

Suspeitos de assaltar casa de família e trancar três crianças em banheiro, em Abadia de Goiás— Foto: Polícia Civil/Divulgação

Suspeitos de assaltar casa de família e trancar três crianças em banheiro, em Abadia de Goiás — Foto: Polícia Civil/Divulgação

De acordo com o delegado, um dos suspeitos pediu a localização da casa da vítima para a entrega do colar. Após o dono da casa enviar o endereço, o suspeito ligou e pediu para que se encontrassem em outro local, onde foi feita a entrega.

No entanto, a investigação apurou que, logo após a venda, o suspeito se uniu a outros dois e, achando que a vítima não estaria em sua casa, foram à residência, pularam o muro e renderam o filho da vítima de 21 anos e trancaram três crianças, de 4, 7 e 9 anos, no banheiro.

“Ele [então vendedor] foi lá depois para recuperar essa corrente e levar o resto. Um ficou no carro para não ser reconhecido e os outros dois estraram na casa. Bateram no filho dele, colocaram faca no pescoço e deram tapas em seu rosto. Depois roubaram os objetos”, disse o delegado.

Pertences roubados pelos suspeitos da família foram recuperados pela polícia, em Goiânia— Foto: Polícia Civil/Divulgação

Pertences roubados pelos suspeitos da família foram recuperados pela polícia, em Goiânia — Foto: Polícia Civil/Divulgação

A corporação informou que os suspeitos levaram da casa da família duas televisões, dois celulares, um computador, calçados, roupas, aparelhos eletrônicos e utensílios domésticos.

Após o assalto, a Polícia Civil foi acionada e encontrou os três suspeitos na casa de um deles em Goiânia, com os objetos roubados, que foram recuperados. A corporação disse ainda que os três já tinham passagens por roubo, tráfico e furto.

Carro que teria sido usado pelos suspeitos para cometer o assalto, segundo a polícia, em Abadia de Goiás— Foto: Polícia Civil/Divulgação

Carro que teria sido usado pelos suspeitos para cometer o assalto, segundo a polícia, em Abadia de Goiás — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Veja outras notícias da região no g1 Goiás.

VÍDEOS: últimas notícias de Goiás

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*