Carregando...

Canal de notícias chinês registra explosão de tanque russo

O canal de notícias chinês Phoenix Television divulgou nesta quarta-feira (11) o registro da explosão de um tanque de guerra russo. Segundo o Phoenix TV, o incidente ocorreu na última sexta-feira (6), próximo à cidade de Mariupol, no sul da Ucrânia.

Nas imagens é possível observar um tanque T-72, um dos mais utilizados pelos militares russos, transitando por uma rodovia antes do impacto. A estrada fica a apenas 6 km dos corredores humanitários estabelecidos em Mariupol, segundo o Phoenix TV.

O impacto da explosão é tão grande que a torre do tanque, que pesa cerca de 12 toneladas, é lançada a muitos metros no ar.

O efeito causado na torre do tanque é um problema das forças russas já conhecido pela inteligência ocidental. Os tanques T-72 são construídos de forma que as munições são armazenadas na parte maix baixa do veículo, abaixo dos ocupantes.

Isto os torna altamente vulneráveis, pois mesmo um impacto indireto pode iniciar uma reação em cadeia que explode todo o estoque de munições de até 40 cartuchos. A onda de choque resultante pode ser suficiente para explodir a torre do tanque tão alto quanto um prédio de dois andares, como pode ser visto no vídeo.

Homem inspeciona tanque destruído do exército russo, a cerca de 40 km a oeste de Kiev, capital da Ucrânia / SOPA Images/LightRocket via Gett

Os tanques ocidentais mais modernos armazenam as munições de forma mais segura, na parte mais alta do veículo militar.

O defeito é conhecido há décadas pelas forças ocidentais e é chamado de “efeito jack-in-the-box” (também conhecido como “pulo do palhaço”. O T-72 é um tanque de fabricação antiga, usado desde a década de 1980.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*