Carregando...

FBI diz que está investigando massacre em Buffalo como 'crime de ódio' - Notícias - R7 Internacional

">

O FBI informou neste sábado (14) que está investigando o tiroteio que deixou 10 pessoas mortas em um mercado da cidade de Buffalo, Nova York, como um "crime de ódio". 

"Estamos investigando este incidente como um crime de ódio e um caso de extremismo violento com motivação racial", disse à imprensa Stephen Belongia, agente especial do escritório do FBI em Buffalo.

O homem suspeito de abrir fogo contra as pessoas tem 18 anos, é branco e não pertence à comunidade local, conforme afirmou Joseph Gramaglia, comissário de polícia, em coletiva de imprensa. 

Gramaglia também destacou que o suspeito estava fortemente armado e usava uma câmera no capacete para transmitir ao vivo a ação que deixou dez pessoas mortas e outras três feridas.

“O suspeito entrou no supermercado, um indivíduo de 18 anos, do sexo masculino e branco, e começou a atirar nos clientes dentro da loja. Ele tinha um capacete técnico, tinha uma câmera para transmitir ao vivo o que ele estava fazendo [...] um segurança que trabalhava no local percebeu e disparou várias vezes contra o suspeito, mas ele estava com colete à prova de balas”, disse. 


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*