Carregando...

Caso de Buffalo é o 198º tiroteio em massa nos Estados Unidos em 2022

O ataque em um supermercado em Buffalo, em Nova York, que ocorreu na tarde deste sábado (14), foi 198º o tiroteio em massa nos Estados Unidos apenas no ano de 2022.

Apenas nos primeiros cinco meses desse ano, quase sete mil pessoas morreram vítimas da violência armada no país. O número de feridos se aproxima de 13 mil.

A situação –que é considerada epidêmica no país– matou 113 crianças e 472 adolescentes. Nesse ano, também aconteceram 412 incidentes defensivos e 518 disparos não intencionais de armas de fogo.

No ano passado, os EUA registraram 691 tiroteios em massa e quase 21.700 mortes relacionadas a disparos de arma de fogo. Tiroteios em massa são definidos quando resultam em pelo menos quatro baleados na mesma região, excluindo o agressor.

Tiroteio de Buffalo

As autoridades disseram que o suspeito branco, de 18 anos, que estava armado com um rifle de assalto e parecia ter agido sozinho, veio para Buffalo de um condado de Nova York a “horas de distância” para atacar a loja em uma comunidade predominantemente negra.

Onze das 13 pessoas atingidas por tiros eram negras e duas eram brancas, disseram autoridades. Até o momento dez vítimas morreram.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*