Carregando...

Entenda por que o príncipe Charles assume e como funciona a linha sucessória no Reino Unido - Notícias - R7 Internacional

Com a morte da rainha Elizabeth 2ª, anunciada nesta quinta-feira (8), o príncipe Charles passa a ocupar o trono e deixa como sucessor imediato seu filho mais velho, William.

Charles é o primogênito (primeiro filho) da rainha, por isso fica com o posto mais alto da família real britânica. 
 
Se o príncipe Charles, que atualmente tem 73 anos, já tivesse morrido ou, por algum motivo, abdicasse do reinado antes da posse, o sucessor natural seria, pela ordem de mais idade, sua irmã, Anne, seguida por Andrew e Edward.

As regras que definem a alternância no trono do Reino Unido têm centenas de anos, mas sofreram uma alteração em 2013, para evitar que homens tivessem vantagem sobre suas irmãs mais velhas.

Após a posse de Charles, seu filho mais velho, William, passa a ser o segundo na linha de sucessão. O primogênito de William, George, é o terceiro na lista. Isso, reforçando, desde que todos eles assumam os cargos quando seus pais morrerem.

Em 2013, a Coroa britânica revogou o Ato de Matrimônios Reais de 1772, substituindo a "primogenitura de preferência masculina" pela "primogenitura absoluta", o que, na prática, deu os mesmos direitos a todos os herdeiros, independentemente do sexo.

A rainha Elizabeth 2ª, filha mais velha de George 6º, iniciou seu reinado com 25 anos, em 6 de fevereiro de 1952. Em 2022, ela completou 70 anos no cargo


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*