Carregando...

Dia dos Namorados: casais correm contra o tempo e a inflação para garantir presentes

Com inflação nas alturas, brasileiro deixa para comprar presente de última hora

Com inflação nas alturas, brasileiro deixa para comprar presente de última hora

Muitos brasileiros deixaram para comprar o presente do Dia dos Namorados na última hora e, este ano, a inflação foi um desafio a mais.

O engenheiro Thiago Tadeu Soares Ribeiro sabia que não ia ter muito tempo para escolher o presente da mulher. Então, para não errar, ela ajudou.

"Ela deu umas dicas de uns três presentes, aí eu vim procurar assim. Achei o que ela vai usar mais e já vim direcionado”, disse Thiago.

O motorista Marcus Roberto de Oliveira inventou uma desculpinha para sair sozinho na tarde deste sábado (11).

“Eu falei que já ia trabalhar (risos). Senão, não dá tempo de comprar", disse Marcus.

Quem deixou para a última hora, além de correr contra o tempo, tem outro desafio: correr contra a inflação, que chegou a quase 12% nos últimos doze meses . Nessa hora, fica mais difícil pesquisar e o relógio poder virar o inimigo do bolso.

“Na correria, a gente vai procurar preço também e está tudo mais caro”, reclama a advogada Lívia Teles.

E está mesmo. Uma pesquisa feita em nove capitais mostrou que entre os itens mais comprados no Dia dos Namorados, as roupas e os calçados foram os que mais subiram.

A zootecnista Airlys Ramos e o promotor de vendas Carlos Roberto Silva fizeram um trato para economizar: cada um escolheu uma lembrancinha, só para a data não passar em branco.

“Já tem essa intimidade de conversar, de falar o que quero. Eu falei: pode me dar um creme”, explica Airlys.

Com quase meio século de casamento, o comerciante Joaquim Ferreira e a dona de casa Marly Ferreira também saíram juntinhos. Mas o presente... esse, cada um tem um jeitinho de dar ao outro.

“Escolher juntos. Comprar juntos. Ganhou aqui: olha a sacolada. Ela está enrolando porque ela vai me dar o presente escondido”, brinca Joaquim.

“Eu vou dar escondido. Eu gosto de surpresa”, diz Marly.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*