Carregando...

Comandante é agredido por passageiro ao tentar apartar briga a bordo - Prisma - R7 Luiz Fara Monteiro

Um passageiro britânico foi preso depois de iniciar uma briga em um voo da Wizz Air para Creta, dando socos em outros viajantes e até no piloto, disseram turistas.

A luta em massa começou logo após o voo pousar na ilha grega. Homens e mulheres acabaram feridos na confusão ocorrida na noite de terça-feira (10).

Um passageiro e sua companheira se comportaram mal durante todo o voo. 

A briga teve início assim que ele foi informado que seria levado à polícia do aeroporto, contaram testemunhas.

Turistas disseram que o casal estava fumando durante a viagem - o que é proibido - e ameaçando outros viajantes.

Relatos publicados em reportagem do Mail Online dão conta que o homem estaria bêbado antes mesmo de entrar no avião.

As comissárias continuaram a servir-lhes álcool, apesar de a dupla alegar que estava bebendo desde as 10h.

O comandante então saiu de sua cabine na tentativa de acalmar a situação, mas foi agredido, disseram testemunhas.

A polícia acabou arrastando o homem, que estava com as roupas manchadas de sangue.

Imagens mostraram passageiros aos gritos, exigindo que o homem fosse retirado da aeronave, enquanto ele balançava os braços descontroladamente.

O voo partiu de Gatwick às 18h.

Alguns passageiros escaparam pela saída traseira, mas tiveram que esperar duas horas na segurança enquanto prestavam depoimentos à polícia, o que significa que muitos perderam suas conexões.

Um voo de retorno programado para o Reino Unido teve que ser cancelado enquanto o sangue era limpo.

Os passageiros que pegariam o voo de volta tiveram que esperar mais 24 horas em Creta.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*