Carregando...

Você viu? Corpo de pescador é achado em rio em São Luís, apreensão de 80 kg de maconha em São Mateus do Maranhão e outras notícias da semana no g1 MA

Confira o resumo de algumas das principais reportagens e as mais acessadas pelos leitores do g1 Maranhão na semana de 28 de agosto a 3 de setembro.

Domingo (28)

O Ministério Público Federal no Maranhão (MPF-MA) abriu um processo seletivo para formação de cadastro de reserva de estagiários de nível superior. As inscrições poderão ser feitas de 0h01 do dia 31 de agosto até às 17h do dia 2 de setembro (horário de Brasília).

Sede do Ministério Público Federal no Maranhão (MPF-MA) em São Luís — Foto: Divulgação/MPF-MA

Sede do Ministério Público Federal no Maranhão (MPF-MA) em São Luís — Foto: Divulgação/MPF-MA

Os interessados devem realizar a pré-inscrição por meio de link disponível na página do seletivo no site do MPF no Maranhão.

Estarão abertas, de 1º de setembro a 3 de outubro, as inscrições para 200 vagas do projeto ‘Casamentos Comunitários’ na cidade de Santa Rita.

Justiça abrirá inscrições para casamento comunitário em Santa Rita para casais de qualquer gênero — Foto: Divulgação/CGJ-MA

Justiça abrirá inscrições para casamento comunitário em Santa Rita para casais de qualquer gênero — Foto: Divulgação/CGJ-MA

Segundo a Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão (CGJ-MA), as vagas são destinadas aos casais de qualquer gênero.

  • Compartilhe esta notícia no WhatsApp
  • Compartilhe esta notícia no Telegram

Segunda-feira (29)

Gilbson Cesar Soares Cutrim, apontado pela Polícia Civil do Maranhão (PC-MA) como autor dos disparos que, causaram a morte de um empresário, no último dia 19 de agosto em São Luís, se entregou à polícia na segunda-feira (29).

Gilbson Cesar Soares Cutrim é apontado como o autor da morte de empresário em um edifício no bairro Ponta d'Areia, em São Luís — Foto: Divulgação/Polícia Civil do Maranhão

Gilbson Cesar Soares Cutrim é apontado como o autor da morte de empresário em um edifício no bairro Ponta d'Areia, em São Luís — Foto: Divulgação/Polícia Civil do Maranhão

O suspeito se apresentou na sede da Superintendência de Homicídios e Proteção a Pessoa (SHPP), na região central de São Luís. Em seguida, ele prestou depoimento à Polícia Civil, confessou o crime e informou que a motivação foi devido a cobrança de uma dívida.

Morreu, na manhã de segunda-feira (29), a suboficiala de gabinete do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJ-MA), identificada como Meirinha Sousa, de 61 anos. A funcionária do TJ-MA morreu vítima de um acidente de trânsito, no bairro do Turu, em São Luís.

Merinha Sousa, que tinha mais de 30 anos de serviço na Justiça maranhense, trabalhava no gabinete do desembargador Bayma Araújo — Foto: Foto: Divulgação

Merinha Sousa, que tinha mais de 30 anos de serviço na Justiça maranhense, trabalhava no gabinete do desembargador Bayma Araújo — Foto: Foto: Divulgação

Segundo a Polícia Militar, a servidora estava pilotando uma motocicleta, quando sofreu um mal súbito e acabou perdendo o controle do veículo, que se chocou contra um poste. Com o impacto da batida, Meirinha teve várias fraturas pelo corpo e foi a óbito ainda no local.

Terça-feira (30)

Na terça-feira (30), populares encontraram o corpo do pescador João Batista Ferreira Costa, de 63 anos, boiando no rio Anil, próximo à ponte Bandeira Tribuzzi, no bairro da Camboa, em São Luís.

Vítima esteve no Instituto Médico Legal (IML) em São Luís, onde fez exame de corpo de delito. — Foto: Reprodução/TV Mirante

Vítima esteve no Instituto Médico Legal (IML) em São Luís, onde fez exame de corpo de delito. — Foto: Reprodução/TV Mirante

Segundo informações da Polícia Militar do Maranhão, o idoso morava na área do Itaqui-Bacanga e estava desaparecido desde o último domingo (28), após sair de casa para pescar.

Na manhã de terça-feira (30), cerca de 16 policiais federais cumpriram, em São Luís, quatro mandados de busca e apreensão em uma operação de combate a fraudes ao auxílio emergencial.

Polícia Federal — Foto: Polícia Federal/Arquivo/Divulgação

Polícia Federal — Foto: Polícia Federal/Arquivo/Divulgação

A operação “Maquineta” verificou que um grupo criminoso fraudou pelo menos 84 benefícios do auxílio emergencial, através de 118 transações, o que corresponde a um valor de R$ 50.400. As fraudes aconteceram do período de 2 a 12 de junho de 2020.

Quarta-feira (31)

A Polícia Civil apreendeu na quarta-feira (31) cerca de 80 kg de maconha em uma operação realizada em São Luís e no município de São Mateus do Maranhão, no interior do estado.

Droga apreendida na operação realizada em São Mateus — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Droga apreendida na operação realizada em São Mateus — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Segundo a polícia, a primeira apreensão aconteceu em São Mateus, quando um veículo de passeio foi abordado na BR-135. Toda a droga estava embalada em caixas de papelão e iria para São Luís. O motorista foi preso.

Três pessoas suspeitas de integrarem uma organização criminosa especializada em fraudes contra instituições financeiras foram presas na manhã de quarta-feira (31), em São Luís. Uma das pessoas detidas é uma técnica de enfermagem apontada como líder da organização.

Uma das pessoas detidas é uma técnica de enfermagem, apontada como líder da organização criminosa — Foto: Reprodução/ TV Mirante

Uma das pessoas detidas é uma técnica de enfermagem, apontada como líder da organização criminosa — Foto: Reprodução/ TV Mirante

De acordo com o delegado Thiago Dantas, da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (SEIC), os integrantes da quadrilha orientavam outras pessoas a irem às agências bancárias para abrir contas e realizar empréstimos com os documentos falsos.

Quinta-feira (1º)

Um cabo da Polícia Militar, identificado como Hélio Montelo, foi assassinado durante um assalto no bairro do Angelim, em São Luís. O crime aconteceu no início da noite de quinta-feira (1º).

VÍDEO: cabo da Polícia Militar do Maranhão é assassinado durante assalto em São Luís — Foto: Divulgação

VÍDEO: cabo da Polícia Militar do Maranhão é assassinado durante assalto em São Luís — Foto: Divulgação

O cabo, que era lotado no 9° Batalhão de Polícia Militar, estava sentado em uma calçada, em frente a um estabelecimento comercial, quando foi abordado por um assaltante em uma motocicleta. O PM reage ao assalto e acaba sendo baleado.

Um homem, identificado como Alexandre Reis da Silva, foi condenado a sete anos de reclusão pelo crime de homicídio. O julgamento foi realizado na quinta-feira (1º), no 1º Tribunal do Júri de São Luís, no Fórum Des. Sarney Costa, no bairro do Calhau.

Réu Alexandre Reis da Silva em depoimento no julgamento, no 1º Tribunal do Júri de São Luís — Foto: Divulgação/TJ-MA

Réu Alexandre Reis da Silva em depoimento no julgamento, no 1º Tribunal do Júri de São Luís — Foto: Divulgação/TJ-MA

O crime aconteceu no dia 1º de março de 2021, dentro de uma quitinete, localizada no Condomínio Rafael, no bairro São Cristóvão, tendo como vítima Geilson Santos Silva, que foi morto com 19 golpes de faca.

Sexta-feira (2)

Foi preso, no fim da manhã de sexta-feira (2), o suspeito de ter assassinado o cabo Itanihéliio Montelo da Polícia Militar do Maranhão, de 29 anos, na noite de quinta (1º), durante um assalto no bairro do Angelim, em São Luís.

Eryki Christian Araujo de Sousa confessou ter prarticado o crime — Foto: Foto: Divulgação

Eryki Christian Araujo de Sousa confessou ter prarticado o crime — Foto: Foto: Divulgação

O suspeito, identificado como Eryki Christian Araujo de Sousa, foi preso durante uma abordagem policial, no bairro do Coheb Sacavém, também na capital maranhense.

O candidato à presidência da República pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Luís Inácio Lula da Silva, participou na noite de sexta-feira (2), de um ato de campanha no estacionamento da Praça Maria Aragão, em São Luís.

Lula participa de ato de campanha em São Luís (MA) — Foto: Matheus Soares/Grupo Mirante

Lula participa de ato de campanha em São Luís (MA) — Foto: Matheus Soares/Grupo Mirante

Em discurso para milhares de apoiadores, ele falou das propostas para o governo, caso seja eleito. O evento contou ainda com a presença do governador do Maranhão e candidato à reeleição, Carlos Brandão (PSB), o candidato a vice-governador, Felipe Camarão (PT) e o ex-governador e candidato ao Senado Federal Flávio Dino (PSB).

Sábado (3)

Pessoas em situação de rua que vivem em São Luís vão ser contempladas com um mutirão de atendimento a ser realizado na próxima sexta-feira (9), das 7h às 16h, no Convento das Mercês. Serão disponibilizados serviços e políticas públicas de inclusão e cidadania.

Mutirão vai acontecer no Convento das Mercês em São Luís — Foto: Biaman Prado/O Estado

Mutirão vai acontecer no Convento das Mercês em São Luís — Foto: Biaman Prado/O Estado

O mutirão é uma iniciativa do Poder Judiciário estadual e federal do Maranhão, da Defensoria Pública Estadual e de dezenas de parceiros do Poder Público e sociedade civil.

O Terminal de Integração da Praia Grande, situado em São Luís, recebe a partir deste domingo (4) a mostra “História em Movimento – Exposição Histórica e Fotográfica nos Terminais de Ônibus".

Na exposição é possível ver diversos temas que compõem o dia a dia da capital e seus moradores como bairros, futebol, ruas, cultura, religiosidade, patrimônio histórico, transportes e natureza — Foto: Divulgação/Assessoria

Na exposição é possível ver diversos temas que compõem o dia a dia da capital e seus moradores como bairros, futebol, ruas, cultura, religiosidade, patrimônio histórico, transportes e natureza — Foto: Divulgação/Assessoria

Na exposição é possível ver diversos temas que compõem o dia a dia da capital e seus moradores como bairros, futebol, ruas, cultura, religiosidade, patrimônio histórico, transportes e natureza. A mostra é um presente histórico e cultural para população usuária de transporte público em homenagem aos 410 anos da cidade São Luís.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Últimas notícias








Calendar