Carregando...

Tribunal de Contas da União autoriza leilão da BR-381 e BR-262, entre Minas e Espírito Santo

Tráfego intenso na BR-381, sentido Espírito Santo, pode minimizar depois que a rodovia for duplicada — Foto: Reprodução/TV Globo

Tráfego intenso na BR-381, sentido Espírito Santo, pode minimizar depois que a rodovia for duplicada — Foto: Reprodução/TV Globo

O Tribunal de Contas da União autorizou a realização do leilão da BR-381/262, entre Minas Gerais e Espírito Santo. Os leilões estão previstos para ocorrerem ainda neste semestre.

A autorização foi dada nesta quarta-feira (28). O projeto consiste na concessão da BR-381/262 para exploração da infraestrutura. Em contrapartida, a concessionária deverá prestar serviço público de recuperação, operação, manutenção, monitoração, conservação e implantação de melhorias.

O trecho tem extensão de 686,10km. A concessão prevê o investimento de R$ 7,17 bilhões e geração de R$ 109.777 empregos, diretos e indiretos. Cabe à Agência Nacional de Transporte Terrestres (ANTT) a publicação do edital com as normas do leilão.

Após a concessão, 590 km devem passar por obras de duplicação, a exemplo do que vem ocorrendo entre Belo Horizonte e Governador Valadares, no Leste do Estado, desde 2014. O trecho foi dividido em 11 lotes. Quatro são de responsabilidade do Dnit e três estão concluídos.

De acordo com o departamento, dois lotes foram entregues em 2015 – são dois túneis. O lote 7, que foi liberado em 2019, tem 37,8 km. Cerca de 18 km do lote 3.1, que deu funcionalidade aos túneis construídos, foram liberados. Este lote, de número 3, ainda não terminou.

Vídeos mais assistidos no G1 Minas nos últimos 7 dias:

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Últimas notícias








Calendar