Carregando...

Em 24 horas, número de infectados por Covid triplica em Minas Gerais - Notícias - R7 Minas Gerais

Minas Gerais registrou 10.982 novos casos de Covid-19 nas últimas 24 horas. O número é quase o triplo registrado nesta quinta-feira (6), que teve 3.400 infecções.

Segundo o governo, o número de mortes reduziu para 5. O boletim epidemiológico divulgado ontem (6) aponta 17 óbitos em 24 horas. Até o momento, o Estado já teve 2.247.541 diagnósticos positivos para a doença e 56.717 mortes.

Sobre os dados de vacinação, 16.633.255 tomaram a primeira dose, 15.016.649 a segunda, 501.002 a dose única e 3.253.224 a de reforço. 

Por meio de nota, a SES-MG (Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais) atribuiu o aumento de casos "à transmissão comunitária da variante Ômicron, às aglomerações nos feriados de fim de ano e o lançamento de dados represados por parte dos municípios nos últimos dias". Em entrevista coletiva nesta quinta-feira (6), o secretário Fábio Baccheretti afirmou que, por enquanto, não há previsão para endurecer as regras de isolamento no Estado.

Restrições no interior

Apesar de todas as regiões de Minas estarem na onda verde do programa Minas Consciente, fase mais flexível do programa, algumas cidades do interior tomaram medidas para frear o coronavírus.

Em Guaxupé, a 448 km de Belo Horizonte, a prefeitura proibiu o funcionamento de casas de shows e eventos e restringiu o horário de bares, restaurantes e lanchonetes até dia 17 de janeiro. Já Guaranésia, a cerca de 336 km da capital, proibiu a realização de festas, eventos e bailes por 60 dias.

A Ufla (Universidade Federal de Lavras), a 237 km de Belo Horizonte, também anunciou a suspensão das atividades letivas presenciais dos cursos de graduação a partir da próxima segunda-feira (10) até o dia 29 de janeiro.

Veja detalhes da coletiva do secretário de Saúde:


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*