Carregando...

Famílias de BH recolhem restos de comida na porta de sacolão - Notícias - R7 Minas Gerais

Mulheres e crianças foram filmadas recolhendo restos de comida na porta de um sacolão, na manhã desta quinta-feira (4), no bairro Mantiqueira, na região de Venda Nova, em Belo Horizonte. A cena de pessoas debruçadas sobre caixas de feira e tambores recolhendo frutas, verduras e legumes que sobraram chamou a atenção de quem passava pelo local. 

Um dos funcionários do estabelecimento informou que “a perda”, os alimentos que não vendem mais, é fornecida três vezes na semana para pessoas que estão passando por necessidade. Segundo uma das mulheres que estava no local, essa contribuição acontece há muito tempo e é o que tem ajudado para que muitas famílias não durmam com fome. 

As mulheres contaram que estão desempregadas e que os auxílios governamentais não são suficientes para sustentar as famílias. “Quanto está uma caixa de leite? Um pai de família, uma mãe de família, consegue viver com R$400?”, questionou uma delas. 

Insegurança alimentar

Atualmente, a fome atinge 33 milhões de pessoas no Brasil e a situação é pior nas casas de mães solo e nas que tem crianças: 6 de cada 10 lares comandados por mulheres convivem com a insegurança alimentar.

A fome também dobrou entre as famílias com crianças menores de 10 anos. O número foi de 9% em 2020 para 18% neste ano, segundo pesquisa divulgada pela rede Pennsan. 

Nesta semana, a Record TV Minas mostrou outro caso de insegurança alimentar em Belo Horizonte. Um menino de 11 anos ligou para a Polícia Militar porque ele, os irmãos e a mãe não tinham o que comer e se alimentavam com farinha e fubá há três dias. 

Comovidos, os policiais fizeram uma vaquinha e foram até um supermercado, onde o gerente decidiu ajudar também.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*