Carregando...

Projetos BIM em Arquitetura: Aprenda com guia completo

Mergulhamos no tema BIM (Building Information Modeling - Modelagem de Informações de Construção) aqui em Mobiliar e Decorar. Você vai descobrir curiosidades sobre esta metologia que permite criar simulações digitais, manejando coordenadamente toda a informação de um projeto de arquitetura. Tema essencial para arquitetos e estudantes de arquitetura. Ao final do artigo, destacamos o link para você conferir o curso com o guia completo BIM na plataforma de cursos da Mobdec. Acompanhe!

BIM: Por que é essencial?

Introduzimos explicando por que é importante se aprofundar no tema BIM. A tendência e disseminação do BIM no país ainda é algo muito novo, que gera muitas dúvidas em relação ao seu conceito na essência, assim como seus pilares fundamentais (tecnologia, processos e políticas).

BIM na arquitetura — Foto: Divulgação

BIM na arquitetura — Foto: Divulgação

Por ser algo muito disruptivo em relação ao método tradicional de projeto e construção em CAD, há um mar de dúvidas, principalmente em relação a parte de ferramentas. É comum que muita gente confunda o BIM com um software ou conjunto de softwares que acabam fazendo as etapas do processo de forma “milagrosa” ou “automática”, o que não é bem assim.

Ao se aprofundar no tema BIM, conseguimos entender sua essência que é o trabalho colaborativo e com informações compartilhadas em tempo real do empreendimento, reduzindo retrabalhos, localizando erros com precisão, extraindo quantitativos mais assertivos e documentação fiel ao que se é modelado.

“Um projetista lá no Reino Unido consegue trabalhar com um outro projetista aqui no Brasil em tempo real, no mesmo arquivo (modelo digital) do empreendimento, trocando informações quase que instantâneas, aumentando a velocidade das tomadas de decisões e correção de erros quase na velocidade da luz”, explica o professor Mateus Beraldi, mentor da plataforma Mobflix.

Além disso, o BIM possui diversas “dimensões” que são as etapas de um processo de projetar de maneira eficiente. Temos hoje do 3D ao 7D (alguns falando em até 10D), que são basicamente:

  • 2D - Gráficos
  • 3D – O Modelo digital virtual
  • 4D – Planejamento (cronograma)
  • 5D – Custos (orçamento)
  • 6D – Sustentabilidade
  • 7D – Gestão da manutenção (Ciclo de Vida da Edificação)

E as discussões abertas (ainda não oficializadas) das outras 3 dimensões, que são:

  • 8D – Segurança na fase de projeto e construção da obra
  • 9D – Construção Enxuta
  • 10D – Industrialização da Construção

Cada uma dessas dimensões tem processos, softwares e normas a serem seguidas, sem contar na gestão de Pesquisa e Desenvolvimento interno das corporações na busca por melhorias internas destes processos.

“O BIM é um universo, infinito em possibilidades e processos para o desenvolvimento da construção civil. Fora as dimensões, existem as integrações, que são o conjunto de metodologias para certas aplicações. O BIM é uma metodologia, o GIS é outra metodologia, cada uma para uma finalidade, mas que se complementam”, detalhou Beraldi.

GIS é o Sistema de Informação Geográfica (SIG) que permite visualizar, analisar, armazenar e editar a informação geográfica e é representada em um mapa. O GIS ajuda na análise espacial, modelagem e previsão, compartilhamento de informações e planejamento e desenho de grandes projetos de desenvolvimento, sejam edifícios ou infraestrutura.

Gráfico BIM — Foto: BIM

Gráfico BIM — Foto: BIM

O GIS opera em nível municipal, regional e nacional, enquanto o BIM opera em nível de edifício. Enquanto o GIS é usado para o planejamento de estradas, pontes, aeroportos, redes ferroviárias e outras infraestruturas no contexto de seus arredores, o BIM é o facilitador chave para o projeto e construção dessas estruturas. Pela integração do GIS no BIM, uma camada de contexto geoespacial é adicionada ao modelo BIM.

Fora o GIS, exemplo mais palpável, temos a IoT (internet das coisas), Realidade Aumentada e Virtual, Impressão 3D e Inteligência Artificial, entre outros que vão surgindo.

5 dicas básicas sobre BIM

  1. Invista em cursos, pois eles sintetizam os principais pontos e te entregam numa metodologia agradável para estudar e num curto tempo, adaptado ao mundo corrido de hoje.
  2. Também recomendo investir em livros como estudos complementares aos cursos, para que você possa expandir sua mente nos tópicos abordados nestes cursos.
  3. Recomendo pesquisar por artigos acadêmicos relacionados ao BIM e as ferramentas BIM. Entre os materiais, recomendo os artigos produzidos pelas universidades de Portugal, como a do Minho.
  4. Vou deixar uma lista com 3 cursos para quem está iniciando e estão todos dentro da Mobflix, assim você terá uma ideia inicial do tamanho desse universo.
    - “Modelagem BIM, o que é?”
    - Revit do Zero ao Avançado
    - Navisworks
  5. Pra fechar, vou recomendar mais 3 leituras obrigatórias para quem deseja iniciar neste mundo:
    - Manual de BIM – Chuck Eastman
    - Gerenciamento e Coordenação de Projetos BIM – Sergio Leusin
    - Building Information Modeling – Karen Kensek

Curso BIM Mobflix

“Dentro da Mobflix nós trouxemos os temas mais inovadores relacionados ao BIM no mercado, com muito conteúdo inspirado nos países mais avançados em relação ao BIM, como os Estados Unidos, Reino Unido e Portugal”, explica Mateus Beraldi.

Dentro da plataforma, existem treinamentos teóricos, como “Modelagem BIM, o que é?”, onde toda a metodologia é explica - normas, políticas, pilares, softwares, dimensões BIM, curiosidades e recomendações de estudo posteriores, temos também o curso de “NBR 15.575 – Norma de Desempenho em Edificações” que de certa forma é integrada à Metodologia BIM, entre outros mais práticos também, como Revit para Interiores, Realidade Virtual com o Revit, Famílias Paramétricas e Navisworks.

Basicamente, dentro do curso teórico sobre a metodologia BIM, são abordados os seguintes tópicos em mais de 4 horas de aulas completas:

  • Definição de BIM
  • Tecnologias
  • Processos
  • Políticas
  • Normas Brasileiras
  • BIM no Brasil
  • Por que adotar o BIM
  • Aplicações do BIM
  • Dimensões do BIM
  • Softwares BIM
  • Compatibilização BIM
  • Interoperabilidade BIM
  • Maturidade BIM
  • Fases do BIM
  • Modelos BIM
  • Templates BIM
  • Planejamento BIM
  • Estratégia BIM BR
  • OpenBIM
  • O Futuro do BIM

Após passar por este treinamento, o aluno conseguirá descobrir para qual caminho dentro do BIM ele mais se identifica, pois é um campo abrangente, que pode acolher todos os profissionais do mercado da construção.

Por exemplo, o engenheiro orçamentista poderá se dedicar apenas a disciplina 5D, o engenheiro estrutural na disciplina 3D e 4D (coordenação para detecção de interferências) e por aí vai.

O importante é se adaptar as novas tendências de mercado, pois o BIM não é apenas “modismo”, mas sim a ferramenta que está revolucionando o mercado AEC.

Clique aqui e acesse a plataforma de cursos online Mobflix.

No vídeo abaixo você confere a Live com Mateus Beraldi no Instagram da Mobflix:

Mobdec

Acompanhe as redes sociais da Mobdec. E a seguir você encontra todos os nossos canais de contato para atendimento online e imediato. Vamos lá:

  • Instagram
  • Site oficial
  • Acesse a página “Mobiliar e Decorar” aqui no G1


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*