Carregando...

Quartararo caça Ducati e escapa para vencer GP de Doha. Zarco bate Martín e é 2º

Discreto, Fabio Quartararo não passou da quinta posição em Losail
Discreto, Fabio Quartararo não passou da quinta posição em Losail
Foto: Yamaha / Grande Prêmio

O GP de Doha da MotoGP parecia mais uma prova da Moto3, com o pelotão agrupado e muitas trocas na liderança. Depois de muitas disputas, Fabio Quartararo assumiu a liderança a quatro voltas para o final, disparou na frente conseguiu a primeira vitória na temporada, a segunda consecutiva para a Yamaha no campeonato. Johann Zarco e Jorge Martín fecharam o pódio em Losail.

Álex Rins ficou com a quarta colocação, seguido por Maverick Viñales, vencedor da primeira etapa do campeoanto. Francesco Bagnaia, Jack Miller, Joan Mir, Brad Binder e Alex Espargaró fecharam o top-10 no Catar.

Johann Zarco superou Jorge Martín na volta final e ficou em 2º
Johann Zarco superou Jorge Martín na volta final e ficou em 2º
Foto: Pramac / Grande Prêmio

A MotoGP retorna às pistas em 18 de abril para o GP de Portugal, em Portimão, terceira etapa da temporada 2021 do Mundial de Motovelocidade.

Conheça o canal do Grande Prêmio no YouTube.

Siga o Grande Prêmio no Twitter e no Instagram.

Saiba como foi o GP de Doha de MotoGP:

A temperatura seguiu caindo com o passar das horas. A MotoGP alinhou para a última das corridas noturnas da temporada com os termômetros medindo 21°C, com o asfalto chegando em 22°C. Diferente do previsto, porém, a temperatura do vento tinha diminuído um pouquinho e estava em 16 km/h.

Neste fim de semana, a Michelin disponibilizou pneus macios, médios e duros, com os traseiros e o dianteiro médio construídos em versão assimétrica, com a borracha mais resistente do lado direito do calçado. Quando foram para o grid, os pilotos tinham uma escolha quase uniforme, com a maioria optando pelo macio dianteiro, com exceção das quatro KTMs de Danilo Petrucci, Iker Lecuona, Brad Binder e Miguel Oliveira, que escolheram o médio. Na traseira, todos escolheram os macios.

Quando as luzes se apagaram na reta de Losail, o pole Jorge Martín repetiu a dose da semana passada e largou muito bem, mantendo a ponta, à frente de Zarco, Aleix Espargaró, Rins e Oliveira, que fez uma saída espetacular. As Yamaha andaram para trás, com Quartararo caindo para sétimo e Viñales, nono.

Só na segunda corrida da carreira, Martín imprimiu um ritmo forte no primeiro giro para escapar das garras de Zarco, abrindo cerca de 0s2. Aleix e Rins vinham bem próximos dos ponteiros, mas o pelotão atrás tampouco estava distante.

Ainda na volta 3, Aleix lançou um ataque na direção de Rins, mas o catalão não conseguiu manter a linha e perdeu a posição, voltando para o quarto posto. Álex, então, grudou em Zarco, tentando tomar a segunda posição.

Mais atrás, Francesco Bagnaia passou Fabio Quartararo e assumiu o oitavo lugar. Viñales vinha em décimo, à frente de Binder, Pol Espargaró e Franco Morbidelli.

No fim da volta quatro, Rins conseguiu passar Zarco por dentro no miolo da pista, mas o troco foi praticamente imediato, contando com a força do motor Ducati na reta de Losail. O piloto da Suzuki não entregou os pontos, passou de novo, mas errou e viu o francês passar de novo. Na curva 6, Álex atacou mais uma vez e, desta vez, fez valer.

Enquanto isso, Martín foi tentando se afastar, chegou a abrir 0s6, mas a diferença caiu rápido, com Rins entrando na pressão pela liderança. Sem conseguir passar, o piloto da moto #42 perdeu o segundo posto para Zarco mais uma vez. De novo na reta, com a potência da moto de Bolonha.

Atrás, Bagnaia subiu para sexto, à frente de Miller. Quartararo caiu para oitavo, à frente de Oliveira e Viñales.

Rodando mais rápido que todo mundo, cravando uma volta rápida atrás da outra, Bagnaia foi escalando o pelotão e passou Mir para ser o quinto. Atrás, Viñales deixou Oliveira para trás e assumiu o nono posto.

Rins atacou mais uma vez e conseguiu recuperar o segundo posto de Zarco, 0s462 atrás de Martín, que seguia sem ser incomodado na liderança.

No final do nono giro, Zarco retomou a segunda posição de Rins, já 0s389 atrás de Martín. O primeiro pelotão seguia compacto, como nove pilotos: Martín, Zarco, Rins, Aleix, Bagnaia. Mir, Miller, Quartararo e Viñales. Décimo, Binder tinha 1s4 de atraso para o vencedor do GP do Catar.

Pouco depois, Miller partiu para o ataque. Empurrado pelo potente motor Ducati, o australiano jantou Mir e Aleix Espargaró na curva 16. Joan aproveitou e também deixou o piloto da Aprilia pelo caminho.

1s7 atrás do líder, Viñales era o dono do melhor ritmo da corrida. Restavam 12 das 22 voltas do GP de Doha.

Com 11 voltas para o fim, Rins levou um belo de um susto ao perder a frente da GSX-RR. O espanhol conseguiu evitar o tombo, mas não teve como se defender de Bagnaia, que tomou a terceira colocação pouco depois.

Ao passo em que o pelotão ia se pegando, Martín seguia firme e forte na ponta, agora com 0s422 de vantagem para Zarco. Mais atrás, Mir atacou Miller, tocou no rival da Ducati na curva 10 e tomou a posição.

Miller e Mir tiveram um novo toque na sequência, o campeão não teve condições de se defender na reta e ainda foi superado por Aleix e Viñales. O toque entre Jack e Joan foi revisado pela FIM.

Miller e Mir se enroscaram no GP de Doha
Miller e Mir se enroscaram no GP de Doha
Foto: Reprodução / Grande Prêmio

Mais atrás, Álex Márquez e Iker Lecuona caíram em momentos diferentes e abandonaram a disputa.

Quartararo também aumentou o ritmo, passou Rins e assumiu a quarta colocação. Aleix era o sexto, seguido por Miller, Viñales, Mir e Pol Espargaró.

A cinco voltas do fim, Zarco se aproximou de Martín na briga pela liderança, mas logo foi superado por Quartararo no miolo do circuito e o piloto da Yamaha subiu para a ponta. Na reta principal, porém, o espanhol se recuperou e deixou o francês pelo caminho. Mais atrás, Viñales superou Zarco pelo terceiro posto.

No giro 20, Viñales foi advertido por abusar dos limites de pista, mas sem punição. Na frente, Quartararo passou a abrir vantagem enquanto o companheiro de time se enroscava com a dupla da Pramac e Rins.

GUIA MOTOGP 2021

Veja também:

Os jogadores que têm sósias no mundo das celebridades
  • assistir Os jogadores que têm sósias no mundo das celebridades
  • separator
  • 0
  • comentários


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Últimas notícias








Calendar