Carregando...

Rússia diz que 120 civis saíram de siderúrgica em Mariupol

  • CIA adverte que reveses podem levar Putin a usar arma nuclear
  • 'A batalha por Donbas será longa e sangrenta, mais parecida com a Segunda Guerra Mundial do que com o que ocorreu em Kiev'
  • As notícias do dia você acompanha na capa do Terra; confira!

Cerca de 120 civis escondidos na siderúrgica Azovstal, em Mariupol, teriam saído do local após um ultimato do Exército da Rússia.
    A informação foi divulgada pela emissora estatal russa Primeiro Canal, que cita uma fonte dos separatistas da região de Donetsk.
    "Por meio de corredores humanitários, 120 civis saíram das casas que ficam perto da entrada da Azovstal", disse o informante.
    Já o vice-comandante do Batalhão de Azov, Svyatoslav Palamar, afirmou à Nexta TV, veículo bielorrusso de oposição, que a siderúrgica foi "quase totalmente destruída". "Bombas superpotentes foram lançadas sobre a indústria, e há civis sob escombros", disse. .
   


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*