Carregando...

Para atualizar dados do CadÚnico em João Pessoa, população vai precisar agendar horário

Auxílio Emergencial — Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Auxílio Emergencial — Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Os paraibanos que estão em condição de pobreza e querem ser incluídos em programas do Governo Federal, como o auxílio emergencial e futuramente o Auxílio Brasil (que deve substituir o Bolsa Família), devem ter Cadastro Único (CadÚnico) e também manter seus dados atualizados. Em João Pessoa, isso deve ser feito ou no Centro de Referência da Assistência Social do bairro ou na Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania da Prefeitura de João Pessoa.

Quem já tem cadastro no CadÚnico, mas os dados foram informados pela última vez há mais de dois anos, vai precisar atualizar os seus dados. Já quem ainda não tem CadÚnico, vai precisar fazer um.

No primeiro caso, a pessoa tem que ir até a Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania. Mas Raquel Feitosa, coordenadora do CadÚnico de João Pessoa, avisa que o atendimento só é feito mediante agendamento, pelos telefones 3214-1874 e 3214-3600.

A cada dia, a Secretaria tem a capacidade de atender 300 pessoas, sendo que são 150 no turno da manhã e mais 150 no turno da tarde. Raquel pede que as pessoas não vão até o local sem antes realizar agendamento, justamente para evitar aglomerações.

No segundo caso, de pessoas que ainda não têm o cadastro, aí a abertura pode ser feita no Centro de Referência da Assistência Social (Cras) do respectivo bairro.

Quem tem cadastro há menos de dois anos, não precisa se preocupar por ora. Mas Raquel Feitosa lembra que o Governo Federal exige dados atualizados para realizar pagamentos. Assim, mesmo que não seja agora, o cadastro vai precisar se atualizado sempre que a última atualização completar dois anos.

Vídeos mais assistidos do g1 Paraíba

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*