Carregando...

Bar é interditado e outro é autuado pelo Procon em fiscalização de medidas contra Covid-19

Procon interdita um bar e autua outro, no Recife, por não cumoprir regras contra pandemia

Procon interdita um bar e autua outro, no Recife, por não cumoprir regras contra pandemia

Dois bares foram autuados pelo Procon de Pernambuco, na noite de sexta-feira (15), por irregularidades no cumprimento das regras de prevenção à Covid-19. Um deles acabou sendo interditado, no Recife, durante a fiscalização (veja vídeo acima).

Na capital pernambucana, foram fiscalizados seis estabelecimentos. A ação ocorreu no dia em que passou a valer a proibição de som em bares, restaurantes e qualquer lugar que possa gerar aglomeração de pessoas.

  • Veja a média móvel da pandemia em Pernambuco
  • Saiba o que é #FATO ou #FAKE sobre o coronavírus
  • Coronavírus: confira perguntas e respostas

De acordo com a Secretaria de Justiça e Direitos Humanos, à qual o Procon é vinculado, foram autuados o Luciano Bar, no Ipsep, na Zona Sul, e o Seu Tito Boteco, no Santana, na Zona Norte.

O primeiro não respeitava o limite de dez pessoas por mesa e o distanciamento entre elas, e também não tinha demarcação de filas no caixa.

O estabelecimento também ocupa uma "possível área pública sem regularização", segundo o Procon, e, por causa disso, a Diretoria Executiva de Controle Urbano do Recife deve analisar o caso.

O Seu Tito Boteco foi interditado e autuado, já que havia lotação acima do limite, mais de dez pessoas nas mesas e ausência de distanciamento entre elas e som com altura inadequada. No local, o Corpo de Bombeiros verificou que o plano de incêndio venceu em outubro de 2019.

Bar no Recife foi interditado pelo Procon de Pernambuco — Foto: Procon/Divulgação

Bar no Recife foi interditado pelo Procon de Pernambuco — Foto: Procon/Divulgação

Participaram da ação a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa). Os seis estabelecimentos fiscalizados ficam nos bairros de Boa Viagem e Ipsep, na Zona Sul, e Santana e Beberibe, na Zona Norte.

Ao todo, segundo o Procon, desde o início da pandemia foram fiscalizados 319 bares e restaurantes, dos quais 26 foram interditados. Cerca de R$ 500 mil em multas foram aplicados.

Respostas

Por meio de nota, o Luciano Bar informou que aceita todas as orientações "com muito respeito e humildade" e que providenciou as solicitações.

"Ressaltamos que nosso bar é um espaço aberto familiar e que prezamos pelo bem estar de todos. Por isso, pedimos que compreendam a situação e respeitem todas as normas do protocolo. Não poderemos atender pessoas que não estejam acomodadas em uma das mesas do bar, portanto, não adianta aglomerar e insistir para que o atendimento aconteça de outra forma", disse, no documento.

O Seu Tito Boteco disse, por meio de nota, que "todas as solicitações feitas pelos órgãos competentes foram atendidas, já recebendo o Termo de Desinterdição concedido pelo Procon". O estabelecimento informou, ainda, que "já possui autorização para o retorno de suas atividades".

VÍDEOS: novidades sobre vacinas contra a Covid-19

200 vídeos

VACINA CONTRA A COVID-19

  • O desafio das candidatas a vacina na luta contra o fracasso

  • Podcast: quanto falta para a vacina da Covid-19?

  • Veja os tipos de vacina em desenvolvimento

  • Butantan faz parceria com chinesa Sinovac para teste e produção da vacina

  • Putin anuncia que Rússia é o 1º país a registrar vacina contra o novo coronavírus

  • CoronaVac: candidata chinesa tem bons resultados na fase 2

  • Últimas notícias sobre vacinas


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Últimas notícias








Calendar