Carregando...

Suspeitos de matar homem e balear soldado do Exército durante assalto a ônibus são presos em Jaboatão

Polícia apreendeu, nesta terça-feira (8), arma que teria sido utilizada no assalto a ônibus que deixou um homem morto e outro ferido em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Polícia apreendeu, nesta terça-feira (8), arma que teria sido utilizada no assalto a ônibus que deixou um homem morto e outro ferido em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife — Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil prendeu, nesta terça-feira (8), dois suspeitos de envolvimento no assalto a ônibus que deixou um homem morto após ser baleado na cabeça e um soldado do Exército ferido por tiro no rosto em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife. O crime aconteceu quando o veículo passava pela PE-17, no bairro da Muribeca, na noite da segunda (7).

Segundo os investigadores, a arma que teria sido utilizada pelos assaltantes foi encontrada escondida em uma fralda suja e ambos os presos confessaram participação no crime.

Os dois homens foram localizados por policiais da Divisão de Homicídios Sul, comandados pelos delegados Cláudio Neto e Victor Hugo Rondom, em endereços distintos, ambos no bairro de Marcos Freire, também em Jaboatão, e próximo ao local onde houve o assalto.

Em nota, a assessoria da Polícia Civil informou que detalhes da investigação deveriam ser divulgados em coletiva de imprensa, a ser realizada na quarta-feira (9).

O crime

Homem morre e outro fica ferido durante assalto a ônibus em Jaboatão dos Guararapes

Homem morre e outro fica ferido durante assalto a ônibus em Jaboatão dos Guararapes

Um ônibus da linha 405 - Jaboatão/Piedade passava pela PE-17, por volta das 21h, quando três criminosos subiram no coletivo e anunciaram o assalto, segundo o delegado Sérgio Ricardo (veja vídeo acima). O veículo estava lotado no momento da abordagem, apontou a investigação.

Nesta terça-feira (8), os delegados responsáveis pela prisão afirmaram que, na verdade, apenas dois homens participaram do assalto.

Ainda de acordo com o Sérgio Ricardo, o soldado do Exército, de 20 anos, estava fardado dentro do ônibus no momento do assalto e teria tentado segurar a arma de fogo de um dos criminosos, mas acabou ferido pelos disparos.

O Comando Militar do Nordeste (CMNE), em nota, confirmou que Luan Odênio de Lira Silva reagiu ao assalto e relatou que o soldado estava a caminho do trabalho, no 14º Batalhão de Infantaria motorizada.

"Não era para ser, mas é comum assalto naquele percurso. Aquela estrada ali é super perigosa. [...] O sentimento que eu tenho, nem sei me expressar, porque é muito difícil quando a gente fala do nosso. É um sentimento de impunidade. Foi um pai de família morto e Luan está ali, na luta pela vida", lamentou a tia do jovem, Lusinete de Lira.

Nesta terça-feira (8), o soldado estava internado na unidade de trauma do Hospital da Restauração (HR), no bairro do Derby, na área central do Recife, intubado com estado de saúde considerado grave, segundo a assessoria de imprensa da unidade.

Gilberto Joaquim Santana, de 41 anos, e Luan Odenio de Lira Silva, de 19 anos — Foto: Reprodução/WhatsApp

Gilberto Joaquim Santana, de 41 anos, e Luan Odenio de Lira Silva, de 19 anos — Foto: Reprodução/WhatsApp

Segundo o delegado, testemunhas relataram ter ouvido três disparos. Um deles acertou Gilberto Joaquim de Santana, que morreu no local com um tiro na cabeça. Ele era motorista da empresa Vera Cruz, mas estava no ônibus da Viação Mirim como passageiro.

Amigo de Santana, o diretor da Associação Beneficente Independente dos Rodoviários de Pernambuco (Abirpe), Edson José Ferreira de Lima, contou que o motorista estava indo para casa após deixar o trabalho, quando foi baleado.

Por meio de nota, o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros no Estado de Pernambuco (Urbana-PE) afirmou que a empresa responsável pela linha, Viação Mirim, "está contribuindo com a investigação policial e encaminhou as filmagens das quatro câmeras do ônibus para as autoridades competentes".

O caso foi registrado pela Polícia Civil como latrocínio, ou seja, rouba seguido de morte.

Assalto a ônibus em Jaboatão deixa um homem morto e outro ferido

Assalto a ônibus em Jaboatão deixa um homem morto e outro ferido

VÍDEOS: Mais assistidos de Pernambuco

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*