Carregando...

"Farei um relatório independente sobre a CPI da Pandemia", diz senador Girão

Depois de quase seis meses de trabalhos, a CPI da Pandemia está na reta final. O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, que foi convocado pela terceira vez para depor, deve fechar a agenda de oitivas na próxima segunda-feira (18). Um dos titulares da Comissão, senador Eduardo Girão (Podemos-CE), afirmou em entrevista à CNN que trabalhará em um relatório independente com suas impressões em relação à CPI.

“Estou trabalhando em um relatório independente, que não vai ser oposicionista e nem pró-governo. Vou colocar nesse relatório as minhas impressões com os dados que eu tive durante essa CPI da Pandemia, de eventuais erros e acertos do governo federal durante a pandemia, mas também incluirei dados sobre estados e municípios que foram vergonhosamente blindados nessa comissão”, afirmou Girão.

O senador ainda teceu críticas à forma como a CPI da Pandemia aconteceu, afirmando que ela teria sido um “show de horrores”.

“O que a gente viu nessa CPI da Pandemia foi evitar rastrear corrupção. Vimos um festival que envergonha o cidadão de bem brasileiro. Um festival de show de horrores quando se humilha os depoentes, quando eles não confirmam as narrativas da cúpula da CPI, indução de respostas, ameaça de prisão… vimos de tudo nessa CPI da Pandemia”, afirmou o parlamentar.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*