Carregando...

Com filiação de Bolsonaro, PL traça planos para o Rio

O senador Flávio Bolsonaro (Patriota-RJ) deve se filiar ao PL no dia 30 de novembro, mesmo dia em que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) deve, enfim, celebrar seu “casamento”com a legenda. A informação foi confirmada à CNN pelo presidente estadual da legenda, deputado federal Altineu Cortês, e pelo líder do PL no Senado, senador Carlos Portinho.

Flávio Bolsonaro irá para seu terceiro partido desde que foi eleito senador, em 2018, pelo PSL. Ele passou pelo Republicanos e foi para o Patriota em maio de 2021, como forma de preparar o partido para a chegada do pai. O acordo entre o presidente e a legenda, no entanto, acabou não prosperando e Flávio ficou sozinho no partido. A estratégia, agora, foi de esperar a definição do pai para, aí sim, mudar outra vez.

Com a chegada da família presidencial, o partido já discute as possibilidades de crescimento para 2022. O governador Cláudio Castro será candidato ao governo do Rio pela legenda, que lançará Romário à reeleição no Senado. Para a vice de Castro, um dos nomes ventilados é do prefeito de Belford Roxo, Waguinho, que assumirá o controle do União Brasil, partido a ser formado pela união já aprovada entre o DEM e o PSL.

A CNN procurou os senadores Flávio Bolsonaro e Romário e aguarda retorno.


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*