Carregando...

À CNN, D'Avila defende privatizar Petrobras e diz que estatais são cabides de emprego

O pré-candidato à Presidência da República Felipe d’Ávila (Novo) declarou, nesta terça-feira (21), em entrevista à CNN, que a Petrobras deve ser privatizada e que empresas estatais são cabides de emprego.

“O mundo está em energia renovável, e a gente está discutindo anacronismo de empresa estatais que são verdadeiros cabides de emprego, de corrupção e de ineficiência, que faz com que o preço da gasolina suba nas bombas”, afirma D’Ávila.

“Portanto, nós precisamos sim, nessa campanha política, discutir propostas para fazer o Brasil voltar a crescer. E uma delas certamente é a privatização, é a abertura do mercado brasileiro. Porque sem a abertura do mercado e sem privatização, não aumenta a concorrência, e sem aumento de concorrência o preço não cai”, continua.

José Mauro Coelho renunciou ao cargo de presidente da Petrobras na última segunda-feira (20). A decisão ocorreu três dias após um novo reajuste no preço dos combustíveis e em meio à pressão do governo.

Coelho foi demitido há um mês, mas o processo de checagem do candidato indicado a ser seu substituto, Caio Paes de Andrade, ainda não teve fim. O conselheiro Fernando Borges assume interinamente o comando da Petrobras, depois da indicação do presidente do Conselho de Administração da empresa, Márcio Weber.

Além de deixar a presidência da estatal, Coelho também renunciou ao cargo de membro do Conselho, conforme divulgado pela empresa.

Segundo D’Ávila, a atual crise está mostrando como a empresa continua sendo manipulada politicamente, e que a contínua mudança de presidentes não alterará o preço dos combustíveis.

Em sua opinião, duas medidas poderiam ser usadas para contornar o problema: o fundo de estabilização, a partir de recursos da partilha do petróleo e de royalties para criá-lo em um momento de grande volatilidade.

Outro seria como utilizado na Espanha e Portugal, com a inscrição do CPF ao encher do tanque do carro, e na própria bomba voltariam R$ 0,60 ou R$ 0,70 ao consumidor. A proposta seria viável “porque o preço do petróleo subiu, e portanto também subiu a arrecadação do governo.”

Debate

CNN realizará o primeiro debate presidencial de 2022. O confronto entre os candidatos será transmitido ao vivo em 6 de agosto, pela TV e por nossas plataformas digitais.

Veja os possíveis candidatos à Presidência da República em 2022


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*