Carregando...

Alok participa de ato em Brasília e fala sobre povos indígenas: ‘Meu sonho é que o mundo possa respeitar vocês’

DJ Alok apoia povos indígenas contra marco temporal

DJ Alok apoia povos indígenas contra marco temporal

Vários grupos indígenas montaram acampamento na Esplanadas dos Ministérios, em Brasília, para protestar contra o chamado marco temporal para a demarcação de terras. Para prestar apoio à causa, o DJ Alok esteve presente na última quinta-feira (26) e conversou com o Profissão Repórter.

  • O que é o marco temporal sobre terras indígenas: entenda o que está em jogo no julgamento do STF
  • Indígenas decidem ficar acampados em Brasília até 2 de setembro

“Não estou aqui por nenhuma questão de partido político. Eu estou aqui pela causa indígena. E, se as pessoas querem parar de me seguir porque eu apoio a causa indígena, eu sinto muito”, diz.

DJ Alok esteve em Brasília durante os protestos dos grupos indígenas contra o marco temporal na última semana — Foto: Profissão Repórter

DJ Alok esteve em Brasília durante os protestos dos grupos indígenas contra o marco temporal na última semana — Foto: Profissão Repórter

O Profissão Repórter desta terça-feira (31) mostrou a luta de indígenas pela demarcação de terras.

Durante ato, o DJ falou diretamente aos indígenas que estiveram no local: “O meu sonho é que realmente o mundo possa respeitar vocês, admirar vocês. E que, assim, a gente passe a respeitar o que a gente tem de mais essencial, que são as florestas. E vocês são os grandes guardiões.”

DJ Alok prestou apoio aos povos indígenas contra o marco temporal — Foto: Profissão Repórter

DJ Alok prestou apoio aos povos indígenas contra o marco temporal — Foto: Profissão Repórter

Seis mil indígenas, de 176 povos de todos os estados brasileiros, formaram um acampamento em Brasília para acompanhar o julgamento no Supremo Tribunal Federal (STF) de uma ação que vai impactar as mais de 300 terras indígenas ainda em processo de demarcação no Brasil.

O STF começou a julgar na última quinta-feira (26) o chamado marco temporal na demarcação de terras indígenas. O marco temporal define que indígenas só podem reivindicar territórios que já ocupassem antes de 1988 - época da promulgação da Constituição.

Assista à reportagem completa abaixo:

Indígenas se reúnem em Brasília e protestam contra o marco temporal

Indígenas se reúnem em Brasília e protestam contra o marco temporal


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Calendar