Carregando...

Corpo de influenciadora que morreu em Portugal tem previsão de chegar a Natal no sábado (14), diz família

Handkelly Bezerra faleceu em acidente em Portugal — Foto: Reprodução

Handkelly Bezerra faleceu em acidente em Portugal — Foto: Reprodução

O corpo da influenciadora digital potiguar Handkelly Bezerra, de 37 anos, que morreu em um acidente de trânsito no último sábado (7), em Portugal, tem previsão de chegar a Natal neste sábado (14).

Segundo a família, o corpo aguardava uma autópsia que precisava ser feita em Portugal, por questões legais, antes de embarcar para o Brasil. Os exames são realizados nas vítimas de mortes violentas.

"Ele [o marido de Hand] me mostrou os bilhetes hoje. Ele disse que só vinha junto com minha irmã. Estão com previsão de chegar sábado à tarde", disse o irmão da influenciadora, Nilton Júnior.

Enquanto aguardam a chegada do corpo, os familiares vão realizar a missa de 7º dia da influenciadora nesta sexta-feira (13) na Paróquia de Nossa Senhora Aparecida, em Neópolis, na Zona Sul de Natal.

Os familiares esperam que o corpo de Hand, com ela era mais conhecida, chegue no sábado para poderem marcar a data do velório e do enterro. As celebrações serão abertas também aos seguidores da influenciadora.

  • Influnciadora digital potiguar morre em acidente em Portugal
  • Família não sabe quando corpo de influncenciadora potiguar que morreu em acidente em Portugal será transportado para o Brasil

Handkelly Bezerra com seu irmão, Nilton Bezerra Júnior — Foto: Cedida

Handkelly Bezerra com seu irmão, Nilton Bezerra Júnior — Foto: Cedida

O acidente

Segundo o irmão de Hand, Nilton Júnior, ela e o marido pegaram um carro por aplicativo no hotel, em Lisboa, com destino ao aeroporto para seguir viagem para a Itália.

Segundo ele, essa era a viagem dos sonhos da influenciadora e que vinha sendo adiada pelo menos desde 2019, por causa também da pandemia da Covid-19.

"Nesse caminho para o aeroporto, ela pediu para Cássio (marido) senhor adiantar o check-in. Ele pegou o celular e ficou de cabeça baixa, adiantando, quando escutou ela dizendo 'meu Deus'. Ele só lembra da pancada e que o carro rodou várias vezes. Ele começou a chamar por ela, falou 'flor' e e ela não respondia. Ele lembra que do corpo dela, sem nenhum, não estava deformado. Botaram ele na ambulância e ele o tempo todo querendo sair, querendo ir atrás dela, mas deram uma injeção nele que ele apagou. Quando ele acordou, o corpo de bombeiro foi lá e disse que fez todos os procedimentos e ela não resistiu. Morreu no local", conta Júnior.

Ainda de acordo com ele, o cunhado teve fraturas nas costelas, quebrou alguns dentes e tem vários hematomas pelo corpo.

Quem era Hand

Advogada e empreendedora, Hand havia deixado a profissão de origem para atuar como influenciadora digital. Ela criou do perfil Casa194 no Instagram, que tinha mais de 40 mil seguidores, onde apresentava dicas de mesa posta, decoração, receitas, entre outros conteúdos. Ela era casada e mãe de um menino de 13 anos.

"Ela era uma uma pessoa muito amada, muito querida, cativadora, humilde. Ela era simpatia, era luz. Estava com 37 anos, no auge, empreendedora, advogada. Ela viveu muito bem seus trinta e sete anos", diz o irmão.

Veja os vídeos mais assistidos no g1 RN

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*