Carregando...

Veja as propostas dos candidatos ao governo do RS para a saúde

Os candidatos ao governo do Rio Grande do Sul estão em campanha eleitoral desde a última terça-feira (16). O RBS Notícias acompanha diariamente os compromissos, sendo três candidatos por dia. Os critérios definidos para a cobertura vão de acordo com a última pesquisa encomendada pelo Grupo RBS.

  • Veja quem são os candidatos ao governo do RS

Nas agendas, os candidatos ao Palácio Piratini responderam à mesma pergunta: Quais são seus planos, no curto e no médio prazo, para gestão da saúde?

Veja respostas abaixo, em ordem alfabética, do nome na urna.

Argenta (PSC)

Roberto Argenta (PSC) — Foto: Reprodução/RBS TV

Roberto Argenta (PSC) — Foto: Reprodução/RBS TV

"A curto prazo, nós temos que atender aquelas pessoas que ficaram esperando uma consulta durante o tempo de pandemia, atender imediatamente através do SUS, através dos hospitais regionais. A longo prazo, tem que continuar cuidando bem do SUS e melhorando a gestão do IPE, porque o IPE atende mais de um milhão de gaúchos, e nós temos que dar uma atenção muito especial com a participação dos médicos e dos hospitais regionais. Enfim, um atendimento especial para a saúde dos gaúchos", disse.

Eduardo Leite (PSDB)

Eduardo Leite (PSDB) — Foto: Reprodução/RBS TV

Eduardo Leite (PSDB) — Foto: Reprodução/RBS TV

"A saúde no Rio Grande do Sul avançou nesses últimos anos a partir de pagarmos os passivos que tínhamos de anos anteriores para os hospitais, para os municípios, para as farmácias também, para os medicamentos que não estavam sendo pagos. E a gente criou novos programas, são R$ 400 milhões que estão sendo investidos em diversas frentes no estado hoje. Por exemplo, hospital em Passo Fundo, tanto o São Vicente de Paulo, como o Hospital de Clínicas, o Hospital Geral de Caxias do Sul que está sendo concluído. Nós vamos seguir avançando e investindo pra qualificar a saúde em todo o estado", respondeu.

Onyx Lorenzoni (PL)

Onyx Lorenzoni (PL) — Foto: Reprodução/RBS TV

Onyx Lorenzoni (PL) — Foto: Reprodução/RBS TV

"Bom, nós temos um grave problema de atenção básica. As pessoas não resolvem a sua situação e acabam indo para os hospitais, que têm que fazer a atenção mais especializada. Alguns estados resolveram isso criando clínicas de especialidade que fazem o anteparo, resolvem o problema. Mas o que nós precisamos aqui no Rio Grande do Sul é humildade, fé e trabalho, olhar para as pessoas e transformar a vida delas. E a saúde bem feita é um bom caminho pra isso", falou.

A reportagem está em atualização.

Eleições 2022: candidatos ao governo do RS fazem campanha nesta quarta (17)

Eleições 2022: candidatos ao governo do RS fazem campanha nesta quarta (17)

VÍDEOS: Tudo sobre o RS

50 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*

Últimas notícias








Calendar