Carregando...

Polícia prende homem com armas caseiras suspeito de agredir mulher na zona rural de Rurópolis

Equipes das Polícias Civil e Militar com as armas e munições apreendidas durante a operação "Madre", em Rurópolis — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Equipes das Polícias Civil e Militar com as armas e munições apreendidas durante a operação "Madre", em Rurópolis — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Durante a operação "Madre" em Rurópolis, no Pará, um homem foi preso por manter em cárcere e agredir uma jovem, que chegou a perder um bebê devido as agressões. A ação integrada das Polícias Civil e Militar aconteceu na terça-feira (9) após denúncia da mãe da vítima.

  • Compartilhe esta notícia no WhatsApp
  • Compartilhe esta notícia no Telegram

De acordo com a denunciante, a jovem sofria violência doméstica e era ameaçada com armas de fogo caseiras por parte do companheiro e cunhado. A outra pessoa agredida era mãe da vítima, que denunciou o caso que acontecia dentro de uma vicinal da Transforlândia.

À polícia, a mãe da jovem disse que a filha foi morar com companheira quando tinha 13 anos e desde então passou a ser agredida e mantida em cárcere. Tempos depois, o irmão do agressor também passou a agredi-la.

Prisão aconteceu em uma vicinal de Rurópolis — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Prisão aconteceu em uma vicinal de Rurópolis — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Em uma das muitas vezes que apanhou, segundo a mãe, a jovem foi expulsa de casa e passou a dormir no mato. Com dores fortes na região abdominal ela foi ao hospital, onde foi feito um parto de emergência e constatado que o bebê estava com fraturas. A criança não resistiu.

Durante a operação, os policiais encontraram apenas um dos suspeitos identificado como Isaac Carvalho dos Reis, cunhado da jovem. Com ele foram apreendidas sete armas caseiras e munições de diversos calibres, além de pólvora e cartuchos deflagrados.

Isaac Carvalho dos Reis foi preso em flagrante com armas de fogo caseiras e munições — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Isaac Carvalho dos Reis foi preso em flagrante com armas de fogo caseiras e munições — Foto: Polícia Civil/Divulgação

Foi dada voz de prisão por posse ilegal de arma de fogo e munições. As buscas ao segundo suspeito, companheira da jovem, continuam.

Segundo a Polícia, as vítimas serão encaminhadas para exame de corpo de delito e as arma de fogo e munições serão submetidas a exame pericial para constatar sua letalidade. Foi instaurado um inquérito para apurar a violência doméstica.

VÍDEOS: Mais vistos do G1 Santarém e Região

200 vídeos


Deixe uma resposta

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados*